Especial OSCAR 2018: As Menos Visíveis, Parte 2 – Melhor Documentário em Longa-Metragem

Continuando a série das premiações “Menos Visíveis” do Oscar 2018, os longas-metragens indicados para a categoria foram:

  • Abacus: Small Enough to Jail

Abbacus – poster Imdb divulgação

Numa tradução livre, o título seria algo como Abacus: pequeno o suficiente para condenar. E já diz tudo. O documentário conta sobre um pequeno banco situado na Chinatown nova-iorquina que quebrou na crise de 2008 e a luta dos proprietários de origem chinesa para reerguer-se diante da única condenação de fraude entre as instituições financeiras dos EUA à época. As batalhas nos tribunais por lá já duram mais de 5 anos. O filme mostra o esforço da família Sung para defender o legado do pequeno banco junto à comunidade chinesa em Nova York.

Foi premiado em vários festivais e mostras:

  • San Diego Asian Film Festival Showcase 2017: Prêmio do Público
  • Sarasota Film Festival 2017: Prêmio do Público para Melhor Documentário
  • Ashland Independent Film Festival 2017: Melhor Edição

Site: https://www.abacusmovie.com/about/

Trailer:

 

 

 


  • Faces Places(*)

Faces, Places – poster – divulgação Adorocinema

O documentário retrata uma experiência fotográfica e cinematográfica de dois talentos mundialmente reconhecidos por questionarem a cultura da exibição das imagens: Agnès Varda, cineasta, e JR, fotógrafo e criador de galerias e exposições fotográficas ao ar livre. Juntos, eles viajam por regiões da França bem longe dos centros urbanos, com um caminhão que captura imagens de forma mágica.
(fonte: site Adorocinema)

São várias as premiações que o documentário recebeu ao longo do ano 2017:

  • Los Angeles Film Critics Association Awards 2017: Melhor Documentário em Não-Ficção
  • New York Film Critics Circle Awards 2017 – Melhor Filme de Não Ficção
  • Toronto International Film Festival 2017 – Prêmio do Público Melhor Documentário
  • Cannes Film Festival 2017 – Prêmios: “Golden Eye” e o “Palme de Whiskers”

Estreou no Brasil em 25.01.2018.

(*) No circuito brasileiro, o filme adotou o título original francês “Visages, Villages”

Veja o trailer:

 

 

 


  • Icarus

Icarus – poster divulgação IMDB

Este fascinante documentário traz à tona o sistemático programa de doping a atletas russos promovido e, posteriormente, negado pelo governo do país. Inicialmente, a intenção do diretor/ator Bryan Fogel era a de mostrar como um ciclista, mesmo amador, tinha acesso fácil a métodos de dopagem. Para isso, vai atrás de um expert russo, Grigory Rodchenkov, diretor do Centro Anti-Doping de Moscou. Diante da câmera, Rodchenkov, de forma bem desenvolta, revela a facilidade de se enganar o sistema anti-doping. Meses depois, estoura o escândalo de dopagem russa que leva a sua exclusão dos Jogos do Rio em 2016. O documentário registra a história sendo escrita diante das lentes.

Recebeu várias indicações e foi premiado no Sundance Film Festival 2017 com o Prêmio Especial do Júri (The Orwel Award) para documentários.

Disponível na Netflix.

Veja o Trailer:

 

 

 


  • Last Men in Aleppo

Last Men in Aleppo – poster divulgação IMDB

É um documentário difícil de ver. Imagens de explosões, correrias, escombros, sangue, poeira… Porém elas contam a árdua e abnegada história dos “Capacetes Brancos”, homens que correm contra o tempo para salvar vidas nos bombardeios da guerra civil da Síria.
Dois socorristas são as personagens centrais de Last Men in Aleppo: Khaled, pai de 2 filhas e Mahmoud. São eles cidadãos comuns que saem do imobilismo, nos deixando a mensagem de esperança, de “uma tentativa de analisar nossa humanidade e dividir responsabilidades quando nos confrontamos com mortes insanas e irracionais”, nas palavras do diretor Fayyad.

Foi premiado em Sundance Film Festival 2017 no Prêmio do Grande Júri (World Cinema) para documentário e o Critics Choice Documentary Awards 2017 – Documentário Mais Inovador.

Site: http://grasshopperfilm.com/film/last-men-in-aleppo/

Veja o Trailer:

 

 

 


  • Strong Island

Strong Island – poster divulgação IMDB

O filme retrata e acompanha a luta de uma família de classe média norte-americana contra o descaso da sociedade para o que é considerado justiça. Conta desde a sua chegada a Nova York até o trágico assassinato de um dos filhos, fato que permeia, agora, a vida da família e a direciona em uma busca por justiça, já que o assassino não foi indiciado. Mostra, de forma autoral (Yanes Ford, um dos irmãos de William, é o diretor), a revolta enlutada contra o silêncio e a impunidade que circundam os agora três irmãos.

No ano passado, ganhou o prestigiadíssimo Prêmio Especial do Júri (Storytelling) do Sundance Film Festival.

Site: https://www.strongislandfilm.com/

Trailer e Filme disponível na Netflix: https://www.netflix.com/br/title/80168230

 

ANDRÉA ASSIS


Clique AQUI para ver a PARTE 1 desta série de Premiações “Menos Visíveis”

Veja todos nossos reviews sobre os indicados!


Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Andréa Assis
Carioca, mas paulistana da gema radicada há mais de 20 anos na capital. Formada em Relações Internacionais, tem mestrado em Administração de Empresas em Lyon, na França. Orgulhosa da cidade onde vive, adora mostrá-la aos visitantes, sejam eles brasileiros ou não. Procura sempre descobrir lugares novos e diferentes, por isso sempre se mantém atualizada sobre o que acontece nestas bandas. Para isso, vai sempre às exposições que pipocam aqui e acolá e é sobre elas que pretende lançar seu olhar crítico que não se restringe só às obras, aos trabalhos expostos, mas também ao ambiente: como estão organizadas, se existem informações para os visitantes, enfim, se vale a pena o leitor investir o seu tempo para ir vê-las. Eventualmente, faz críticas de filmes, mas prefere deixá-las aos mais habilitados. Mas não deixa de acompanhar os lançamentos. Humildemente, pede ao leitor paciência para com o que ele lê aqui no espaço, pois a escritura e análise pedem apuro ao longo do tempo.

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *