Eusébio pede o divórcio a Dorotéia e conhece Gina

Gina ( Gretchen ) e Eusébio ( Marco Nanini ) – Crédito: Globo/João Miguel Júnior

Eusébio (Marco Nanini) descobriu que seu pai era um fazendeiro rico, já falecido, e com a ajuda de Antero (Ary Fontoura) conseguiu localizar a família dele. Na justiça, teve direito a receber parte da herança deixada para a esposa Dinorá (Berta Loran) e seu irmão Juninho (Marco Nanini) ao comprovar que de fato era filho do fazendeiro. Agora, com o dinheiro em mãos, precisa esconder a “fortuna” de sua atual família, pois todos estão de olho e arrumam variadas justificativas para convencer Eusébio a liberar um pouco do valor conquistado.

 

Zé Hélio ( Bruno Bevan ), Gina ( Gretchen ), Rock ( Caio Castro ), Chico ( Tonico Pereira ) e Abel ( Pedro Carvalho ) – Crédito: Globo/João Miguel Júnior

Diante das negativas dele, os familiares decidem se reunir para tentar adivinhar onde o dinheiro está escondido na casa. Ao saber que sua esposa Dorotéia (Rosi Campos) também está envolvida no plano, Eusébio fica revoltado e decide pedir o divórcio por não confiar mais nela. E para fazer jus à decisão, sai de casa e passa a noite em uma boate. Lá, conhece a dançarina Gina (Gretchen), funcionária do local, e sente-se atraído por ela no primeiro encontro.

 

As cenas estão previstas para irem ao ar a partir de quarta-feira, dia 10 de julho. A novela é escrita por Walcyr Carrasco, com Nelson Nadotti, Márcio Haiduck e Vinicius Vianna, e tem direção artística de Amora Mautner, direção geral de Luciano Sabino e direção de André Barros, Bernardo Sá, Bruno Martins Moraes, Caetano Caruso e Vicente Kubrusly.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

maribarcelos
Eu me chamo Mariane Barcelos, tenho 26 anos, sou designer e estudante de Audiovisual, construindo uma carreira na área. Já viajei para quase todos os cantos do mundo, inclusive já fui para fora do planeta, já dei um pulo em Marte, conheci uns anéis de Saturno e me aventurei em galáxias muito distantes, me transformei em bruxa, loba e vampira, também já fui super heroína e vilã. Não pensem que sou louca, sou apenas uma cinéfila que enxerga nos filmes uma maneira de se desconectar da realidade, ou quem sabe me conectar, com a minha realidade. Quando eu vejo um filme é para me conectar com aquele mundo, se não estou no clima, digo "nossa que dor de cabeça" e fica para um outro momento. Cinema é para ser sentido, para se apaixonar e se iludir. Encantar. Espero poder compartilhar com vocês, toda essa emoção que eu sinto ao assistir um filme e conseguir fazer com que vocês também embarquem nessa viagem sem destino. Agora através do ArteCult, também faça cobertura de eventos, como o Festival do Rio, RioMarket, Pré-Estreias e afins. Assim como nos filmes, espero poder trazer grandes novidades e coberturas completas em todas as mídias sociais, para que vocês, leitores, possam se sentir sempre imersos ao nosso universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *