O Coice da Égua: poesias da periferia carioca

A literatura brasileira precisa sempre se renovar e são sempre bem vindos  novos talentos e iniciativas para sua revitalização.

O Coice da Égua (Editora 7 Letras, 2019) é um livro de poesia da escritora Valeska Torres.

A própria autora o define como sendo um livro de poesias do subúrbio carioca.

 

SINOPSE

Desde o título, O Coice da Égua já se apresenta com a urgência de uma poesia que traduz a realidade urbana das periferias e expõe de forma nua e crua uma vivência feminina diante da violência cotidiana. Um retrato forte e fiel de nossa sociedade contemporânea, apresentado com talento e arte por uma jovem poeta, que certamente ainda vai dar muito o que falar.

 

 

ENTREVISTA

Conversamos com a autora sobre o livro, sua inspiração e seu processo de criação, veja abaixo!

Valeska, este é seu primeiro livro publicada e gostaríamos de saber como surgiu a ideia da obra, qual foi a sua principal inspiração?

Valeska Torres: “O coice da égua” é meu livro de estréia, acredito que seja o convite para que as pessoas saibam do meu trabalho como poeta. A minha escrita dialoga pelos entrelaçamentos possíveis enquanto mulher, negra e oriunda de um subúrbio, por vezes, abandonado pelo poder público.

As ideias elas surgiram de muita escuta, observação e vivência desse lugar que fui percebendo gradativamente que é meu, e esse pertencimento se deu desde os trabalhos que exerci durante o período de escrita do livro até os machismos entranhados diariamente. Muitas vezes capturava nos cenários que transitava, as palavras, o cheiro, os gestos, os aspectos do lugar e criava dessa forma uma linha narrativa. Ruminar uma ideia até que ela faça sentido. A leitura e a escuta de outros poetas contemporâneos me deram um leque de possibilidades de como a escrita é possível no papel e na leitura, pós escrita. Todos esses atravessamentos foram responsáveis pelo o livro, que afinal, é um copilado com poemas que eu tinha já há alguns anos até os mais atuais.

E para você como foi o processo de desenvolvimento do livro, sabemos que para alguns escritores ele pode levar anos até o lançamento…

Valeska Torres: O desenvolvimento do livro se deu a medida que escrevia e guardava meus escritos durantes os anos. Isso aconteceu entre meus 18 anos até o inicio de 2019. No geral aconteceu da seguinte forma: Juntei os poemas, criei uma linha de conversa entre os capítulos, montei o índice, li e reli algumas vezes, depois fui pedindo para pessoas próximas para lerem, darem palpites, revisarem e por fim, me indicarem sobre quais editoras eu poderia enviar meu original. Ao todo foram 5 editoras enviadas, 2 me retornaram praticamente dentro de 2 semanas e uma outra disse que tinha interesse mas eu já tinha fechado contrato com a Editora 7 Letras. A editora escolhida foi certeira para esse pontapé inicial dentro desse mercado livreiro.

 

SOBRE A AUTORA

A escritora Valeska Torres é poeta e estudante de biblioteconomia na Unirio. Nasceu no Rio de Janeiro, Marechal Hermes em 1996. Mora em Brás de Pina. Publicou nas coletâneas de poemas, contos e crônicas “Do Rio ao mar” [Projeto Turista Aprendiz, 2015], na antologia “Seis temas à procura de um poema” [Flup, 2017], na antologia “Alma – Projeto Identidade” [Editora Conexão 7, 2018]. Tem fanzines publicados no Brasil, Argentina e Paraguai, por diferentes editoras locais, e também em revistas digitais. Em 2017, foi selecionada para uma residência no Festival Internacional de Poesia de Rosário, Argentina. Está lançando este ano o livro de poesias “O Coice da Égua” pela editora 7 Letras.

 

SERVIÇO

O Coice da Égua

  • Autora: Valeska Torres
  • Ano: 2019
  • Poesia
  • Editora: 7 Letras
  • Preço: R$39,00
  • Número de páginas: 88
  • Formato 15×23 cm
  • Edição 1ª edição
  • Número da revista –ISBN 978-85-421-0763-0
  • Avisar um Amigo

 

 

 

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Raphael Gomide
Fundador e Diretor Geral do ArteCult.com, Sócio-fundador e editor do QuadriMundi, ambos projetos da Webstaff, sua empresa que está sendo estruturada e que também gerencia outros portais como o BandasNovas, OlheiroMusical, Bullyng nas Escolas, Reação Adversa e CasarOnLine. Apaixonado pela sua família e por toda forma de ARTE e CULTURA. No Facebook, administra vários grupos tais como Dicas de Filmes, Dicas de Livros, Dicas de Músicas , além das páginas Futuristiko (sócio-fundador), Infância80, Olheiro Musical, Bullying nas Escolas, Reação Adversa e Portal TEAmigo (app em desenvolvimento para a comunidade TEA - Transtorno do Espectro Autista).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *