Exposição CRIANÇAS DE AÇO no Centro Cultural LIGHT mostra que a Arte também é caminho para democratização

A EXPOSIÇÃO “CRIANÇAS DE AÇO” NO CENTRO CULTURAL LIGHT DISCUTE A DEMOCRATIZAÇÃO DO ACESSO À CIDADE PELAS PERIFERIAS, ROMPENDO 5 DÉCADAS DE EXCLUSÃO SOCIAL DA COMUNIDADE E 65 KM DE DISTÂNCIA PARA TRAZER A REPRESENTATIVIDADE DO AÇO, ATRAVÉS DA ARTE, COMO PERIFERIA DA GRANDIOSA ZONA OESTE PARA O CENTRO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO. 

Com curadoria coletiva de integrantes da equipe da projeto Missão Artística CASA, a mostra no CENTRO CULTURAL LIGHT (perto da estação do Metrô Presidente Vargas) reúne diversas obras das crianças cum idade de 01 a 16 anos moradoras da Comunidade do Aço que fica em Santa Cruz, periferia da Zona Oeste da Rio de Janeiro. Tem como objetivo apresentar o projeto que vem sendo mantido através de doações de materiais e serviço voluntário dos professores e monitores. O projeto busca retratar a realidade da comunidade, subvertendo e questionando a falta de acesso à segmentos artísticas e outras questões sociais na numunidade.

As obras retratam seus primeiros contatos com as artes plásticas, através das oficinas prupostas pelo projeto como: pintura, escultura, colagem, desenha, contação de histórias, grafites, silk e outras expressões, sempre com uma temática voltada para a formação de um pensamento crítico e criativo, destacando a importância que cada um tem na comunidade.

Podemos observar nas obras das crianças que cada trabalho apresenta uma singularidade ao solucionar questões complexas relacionadas à representatividade, pátria, cotidiana e, clara, a própria arte em si – tendo em vista que o cantato delas com essa habilidade e acervo cultural e artístico lhes é negada pelo Estado. Assim a exposição traz uma reflexão sobre o acesso à arte na periferia e a democratização do acesso à cidade por meia da Arte-Educação, evidenciando e vivenciando a forma de sobrevivência das “Crianças de Aço“.

O CASA é um coletivo fomado por arte educadores, pesquisadores, artistas e voluntários que entendem a importância de romper com a falta de acesso à arte e cultura nas zonas periféricas. A Comunidade do Aço foi escolhida por ser uma comunidade que sofre de preconceito em sua própria região, sendo segregada e excluída do desenvolvimento da região, não havendo apropriação de uma identidade cultural própria. É uma comunidade que representa a negligência política e social do Estado, materializada pela falta de recursos básicos como saneamento, áreas de lazer e cultura, saúde e alimentação.

O projeto tem como missão ensinar que a arte tem papel fundamental no caminho para o conhecimento do ser humano sobre sua própria realidade no mundo. De maneira que o projeto pretende ajudar na formação de um olhar crítico e sensível, fazendo refletir a sua posição como indivíduo e cidadão em uma sociedade comum. Através da arte educação almeja-se possibilitar nuvos futuros pessoais e profissionais para as crianças, acreditando que a conscientização Cultural reverterá a situação atual da Comunidade do Aço, onde a CASA atuol como uma primeira experiência, na espaço cedida pelo Projeto Esperança para uma Criança de Vila Paciência.

SERVIÇO

  • Exposição CRIANÇAS DE AÇO – Missão Artística CASA
  • Local: Grande Galeria – Centro Cultural LIGHT
  • Curadoria: Dayane Medeiros, Thaís Bruz, Paula Brangeiru e Juliana Trajano
  • Data: 05/12 a 14/01/2019
  • Horário: Segunda a Sexta 9h às 19h
  • Entrada Franca

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Raphael Gomide
Fundador e Diretor Geral do ArteCult.com, Sócio-fundador e editor do QuadriMundi, ambos projetos da Webstaff, sua empresa que está sendo estruturada e que também gerencia outros portais como o BandasNovas, OlheiroMusical, Bullyng nas Escolas, Reação Adversa e CasarOnLine. Apaixonado pela sua família e por toda forma de ARTE e CULTURA. No Facebook, administra vários grupos tais como Dicas de Filmes, Dicas de Livros, Dicas de Músicas , além das páginas Futuristiko (sócio-fundador), Infância80, Olheiro Musical, Bullying nas Escolas, Reação Adversa e Portal TEAmigo (app em desenvolvimento para a comunidade TEA - Transtorno do Espectro Autista).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *