CAPITÃ MARVEL: A NOVA ERA DA MARVEL COMEÇOU

O Universo Cinematográfico Marvel está cada vez mais agregando novos heróis, se expandindo e ganhando novas histórias, eis que após muitos anos de especulações temos o primeiro filme de origem de sua super-heroína. A Capitã Marvel nas HQ´s não possui tanto destaque e popularidade, mas aqui a mesma se molda com toda magnitude que precisa, seu filme quebra a formula dos seus antecessores dos Estúdios Marvel. Sejam bem-vindos a nova Era de Filmes de Heróis da Marvel, a nossa Carol Danvers mostra para a que veio com toda sua potência e força num filme tão grandioso quanto a personagem principal. Confira nossa crítica a seguir.

Capitã Marvel não segue uma receita de bolo e sim uma linha diferenciada que permite que o seu telespectador se conecte e se emocione com aquela história, as transições entre a emoção e as fugas cômicas acontecem da maneira mais natural possível e torna-se um deleite para o público. Neste ponto podemos ver que após o sucesso de seu antecessor Pantera Negra, os Estúdios Marvel apostam em novas propostas que podem agradar em cheio aqueles que procuram algo diferenciado e pode não agradar os que estão acostumados com a forma adotada pelas outras histórias. Demonstrando todo o poder de uma mulher e sua apoteose, Capitã Marvel não poupa elementos agradáveis para criar a sua forma, o que resulta em produto de extrema qualidade. Mesmo se passando nos anos 90, o mesmo traz assuntos sociais e apresentações que fluem entre a nostalgia da época a às ideias discutidas no mundo atual ,como igualdade de gêneros, refugiados entre outros.

Na trama temos a personagem Carol Danvers ou “Vers”, interpretada magistralmente pela atriz Brie Larson, que se encontra em meio a uma guerra entre duas raças alienígenas, os skrull e os kree. Estes últimos são uma raça de nobres guerreiros responsáveis por adotar Carol, treinando-a em seguida como uma guerreira e a utilizando como uma arma. Carol não lembra absolutamente de nada sobre sua origem e passagem pelo planeta Terra. Assim, no decorrer da sua história,  ao telespectador são apresentados “flashs” sobre sua vida na Terra e a partir desse ponto começa o desencadear da aventura solo da personagem principal. Numa determinada missão em um planeta de território da raça alienígena skrull (seres que conseguem copiar qualquer ser das galáxias, inclusive seu DNA) algo dá errado e nossa heroína se vê novamente em nosso planeta, reconectando-se assim com o seu passado.

A proposta da produção é entregar um entretenimento que foge das batalhas apoteóticas, (vide “Guerra Infinita”) mas suas cenas de ações são tão bem executadas e tão fluidas que, naquilo que se propõe, demonstra total equilíbrio, ponto positivo para os ótimos diretores da trama, Anna Boden e Ryan Fleck, que agregam ainda mais fatores à experiência cinematográfica, como sua excelente e divertida trilha sonora que tem como responsável Pinar Tropak, o público é convidado a mergulhar de cabeça na vibe dos anos 90. Já as cenas no espaço são outro espetáculo à parte, pois você consegue notar o avanço tecnológico do Estúdio ao retratar novas galáxias e universos, trazendo cenas de cair o queixo.

Um ponto que merece ser mencionado como negativo seria o primeiro ato da trama que demora um pouco para “engatar”, mas quando atinge seu ápice torna-se “tiro, porrada e bomba”. O maior ponto positivo da trama seria seu elenco:  Larson brilha literalmente ao assumir o manto da mais nova e aguardada super-heroína e convence a todo instante o quanto está a vontade naquele papel, demonstrando todo seu potencial para liderar esta nova fase do Universo da Marvel.

Com ela temos o incrível Samuel L. Jackson no papel de Nick Fury, que aparece aqui rejuvenescido através de um trabalho de CGI espetacular e com uma química muito boa com a personagem principal, o que diverte o público a todo instante. Temos também a atriz Lashana Lynch, que interpreta a personagem Maria Rambeau e é a responsável pelos arcos dramáticos e momentos mais emocionantes da trama, o ator Jude Law que interpreta Yon-Rogg, Comandante da Starforce e que é uma grande peça no desenvolvimento da tramae que me surpreendeu (fiquem atentos a ele!), mas quem rouba a cena a todo instante é o gato Goose: seus momentos em cenas são hilários.

Confira o trailer

 

 

 

 

Assim “Capitã Marvel” vai muito além de um filme de super-herói, pois traz uma contextualização que olha para o passado e abraço o futuro, seus elementos são coerentes, e importantes e extremamente relevantes para a nossa sociedade atual,. Feliz de ver um Estúdio como a Marvel abordando a representatividade a todo instante,. Este filme chegou para ficar e não introduz de maneira forçada um determinado personagem e sim demonstra toda sua grandeza e magnitude, como o próprio futuro desta nova fase da Marvel.

NOTA: 9

LUAN RIBEIRO

Acompanhem-nos em nossas redes sociais:

@artecult , @cinemaecompanhia , @cinemaatm , @tiltcine e @cabinesete

Acompanhe o resumo do dia do universo de Cinema & Séries:

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Luan Ribeiro
Sou natural de Mata de São João, Bahia, mas atualmente moro na cidade do São Paulo. Sou formado em Engenharia, mas sempre tive uma verdadeira fixação pelo universo cinematográfico e sou o admin do @CinemaeCompanhia no Instagram. Assistir um filme é minha válvula de escape para mergulhar e me aventurar em mundos totalmente novos e me desligar dos problemas do dia-a-dia. Aproximadamente de duas a três vezes confiro as estreias da semana nas telonas, digamos que eu seja quase um “rato de cinema”. rs Será um enorme prazer compartilhar aqui minhas opiniões sobre os filmes e suas principais curiosidades. E uma ótima oportunidade para poder aprender e "trocar figurinhas" com todos vocês! Espero que se divirtam muito e curtam minhas dicas. Que a FORÇA esteja com vocês!!! Forte abraço! Luan Ribeiro. Instagram.com/CinemaeCompanhia e-mail: luancribeiro@hotmail.com

3 comments

  • Avatar

    Luan Ribeiro, você arrasa em seus comentários.
    Ansiosa, para assistir essa produção.❤

  • Avatar

    Nossa eu já estou louquinha para assistir. Lendo essas suas opinioes ai da vontade mesmo. Por que você conhece de filme e isso é muito bom pra quem quer realmente assistir um filme bom. Valeu Luan.

    Obs: Menino você é um gato. Kkkkkkk

    Sou sua fã. Parabéns!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *