Série Valore Attivo de Lucio Salvatore está em destaque na Galeria Martha Pagy

Lucio Salvatore é um artista plástico italiano que vive entre Rio de Janeiro e Itália. Sua arte multidisciplinar é vasta – trabalha com fotografia, texto, pintura, escultura, performance e apropriação de processos.

Recentemente, teve uma exposição marcante no MAM do Rio de Janeiro, com curadoria de Fernando Cocchiarale e Fernanda Lopes, chamada Metaelementi. Nos últimos 12 anos, realizou exposições em São Paulo, Roma, Milão, Berlim e Nova Iorque.

A série em destaque na Galeria Martha Pagy, Valore Attivo 2018, utiliza etiquetas de preço comuns de supermercado em caixa de acrílico. A composição das etiquetas de cor neon em série, lado a lado, todas com o valor de $1,00, questiona os significantes de valor e preço, tanto da obra como estatuto de arte, quanto da precificação dos objetos, experiências e aspectos da vida em geral.

“A obra que define seu próprio valor, a etiqueta de preço que confunde significante e significado, o papel ativo da cor e de sua composição formal usada para excitação retinal são fundamentos da série Valores Ativos, obras conceituais que reduzem aos mínimos termos as expectativas políticas, econômicas e visuais sobre o valor da obra de arte no mercado hoje” diz Salvatore.

ANA MARIA CARVALHO

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

ANA MARIA CARVALHO
Ana Maria Carvalho é jornalista, fotógrafa, especializada em comunicação e psicanalista. Sócia da Empresa CRIO.ART, especializada em Arte Contemporânea. Escreve sobre artistas, galerias, feiras e exposições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *