Música: Pedro Mann lança clipe de nova versão de “Onda do Mar” com Marcelinho da Lua

Remix marca fim de ciclo no trabalho do cantor e compositor

 

O cantor, compositor e multi instrumentista carioca Pedro Mann vem se firmando como um dos principais compositores da nova leva da MPB em uma jornada muito própria. Atualmente trabalhando em seu terceiro álbum solo, ele ressignifica o passado com uma nova versão de “Onda do Mar”, faixa de seu debut, retrabalhada por Marcelinho da Lua. A música é lançada como clipe no canal do YouTube do artista e está disponível para streaming.

Ouça “Onda do Mar”: https://smarturl.it/PedroMannDaLuaRemix

 

“Eu sempre admirei o trabalho do Da Lua como DJ e no Bossacucanova, então tive a ideia de chamá-lo para fazer o remix. Ele não só topou na hora e curtiu a música como também nos tornamos parceiros e amigos”, conta Pedro Mann. 

 

Conhecido por projetos como o Bondesom, Pedro já teve suas músicas gravadas por artistas como Thaís Gulin, Lucas Santtana, Matheus VK e Angelo Paes Leme. Seu primeiro disco solo foi lançado em 2013. “O Mundo Mora Logo Ali” trazia canções autobiográficas e tratava questões interiores. A faixa de abertura era “Onda do Mar”.

A música é existencialista e ganha um registro em vídeo que dialoga com isso, apesar do clima dançante desta nova versão. No clipe, Pedro é visto em uma caminhada e, durante o andar, ele se perde, se encontra, se redescobre, passa por situações que o confortam e que o deixam em desconforto e solidão. É uma analogia da vida, que o artista conta na letra da música, onde não sabemos onde começa e onde termina essa caminhada.

No seu segundo lançamento, “Cidade Copacabana” (2016), Mann olhava para o entorno em canções urbanas que remontam ao imaginário de um bairro com dimensões de cidade, onde passou a infância e escolheu voltar. Fechando o ciclo dessa fase do trabalho e se preparando para seu novo álbum de estúdio, o remix de “Onda do Mar” está disponível no YouTube e também para streaming.

 

Veja o clipe:

Letra:

É sinal que achuvavem

Pra me encontrar

Dia e noite não vejo ninguém

Era sonho de fazer correr

Vou levando sem saber

Onde vai dar

O futuro deixei pra depois

Já não quero saber de nós dois

Toda despedida é descoberta

Pode ser a coisa certa

Te perder pelo caminho

Procurando me encontrar

E fazer da nossa estrada

Uma busca da verdade

Como posso ser metade

Se eu nem sei do meu lugar

A onda do mar bateu

Quem sabe de mim sou eu

A onda do mar quebrou

Pra me mostrar quem sou

Esse cara que não veste couro

Que não se contenta em levar desaforo

Começa o namoro brincando de cego em mesa de bar

Essa vida que eu falo, que eu penso

Carrego no passo do meu sentimento

Eu levo no vento mas sei que o amor é de libertar

Siga Pedro Mann: FACEBOOK // INSTAGRAM // YOUTUBE // SITE

 

.

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Daniela Fróes
Musicalmente eclética, apaixonada pela diversidade dos estilos, das festas e festivais, amante de uma boa música, principalmente das batidas eletrônicas. #Música #MúsicaEletrônica - Nunca se precisou de drogas para senti-la, a essência da batida, a sonoridade toca a alma de um jeito que não da pra ficar parado! "Quem não sente a melodia acha maluco quem dança"!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *