Música Eletrônica: ME GUSTA – Quebrando Paradigmas em 10 Anos de Metamorfose e Muita Degustação Sonora

 

Tudo começou em 2010, quando os amigos Fernando Deperon e Pedro Piu, por amor em conectar pessoas e com objetivo de promover boa música, uniram suas ideias e forças para inovar a cena eletrônica carioca, saindo da mesmice e renovando as pistas com uma verdadeira degustação sonora.
Muitos artistas atuais, contratados para as grandes festas do Rio de Janeiro e do Brasil passaram pela Me Gusta.

Confira agora, tudo sobre o Mundo ME GUSTA, que remando contra a maré, a cada ano se transforma, se aperfeiçoa e se expande por vários espaços: Clubs, Barco, Ruas, Hotéis, Rooftops… A festa carioca, uma das pioneiras do underground, teve sua 1ª edição no extinto Espaço Vintage, na Lapa. Depois a 2ª e 3ª edições no Studio Line, em Botafogo e no Aquário do MAM até chegar na Fosfobox, um dos melhores clubes alternativos do Rio de Janeiro. Onde firmou sua residência durante 5 anos com edições também na Privilége Búzios; Club Velvet em Belo Horizonte; 5uinto Club em Brasília, e edição em Campinas.

 

 

 

 

Durante esse período trouxe grandes nomes do techno underground nacional e internacional para o seu palco, como: VCO ROX, Paula Chalup e Dudu Marote, Pedro Piu, Mauro Farini, Sassá, Renato Ratier, Maurício Lopes, Clip Box, Marcello V.O.R DJ Magri, Andreas Henneberg, Anna, Danny Daze, Mau Mau, Super Flu, Wehbba, Art in Motion, Rafael Mazonni, Anderson Noise, James Zabiela, entre outros.

 

 

 

 

Com o sucesso inquestionável da festa, veio a ideia de usar a plataforma da Me Gusta para dar oportunidade e divulgar os novatos da cena, ajudando-os a ganhar visibilidade no mercado. Assim, nasceu a MEU GUSTA LABS, um paiol de talentos. O projeto começou dentro de casa e foi apadrinhado pelos renomados DJs Meme e Leo Janeiro, que começaram a se apresentar nas edições realizadas no Galeria Café. Posteriormente, com a entrada de Edson Sorrilha na sociedade, as edições passaram a ser realizadas nos melhores Rooftops com os sunsets mais hypados.

A ME GUSTA LABS ajudou a promover e impulsionar alguns nomes da cena eletrônica atual como: Beranger, Beatype, VKIRA, BCX, Uncloak e outros. Além de contar com as apresentações de DJs consagrados em suas edições: Flow & Zeo, Art in Motion, Nytron, Morttagua, L_CIO Live, Eli Iwasa, Saulo Ferraro, Renato Cohen, Amanda Chang e outros.

 

 

 

 

Em paralelo a todo sucesso, João Pinaud (dono do Barco do Amor), fez um convite a Fernando Deperon (sócio produtor da Me Gusta) para dar uma repaginada no barco, onde em parceria transformaram o passeio de barco em uma experiência ao som do melhor eletrônico, em meio a natureza e beleza do mar.

 

 

 

 

E não para por aí não! Mais uma vez, em um bate papo entre amigos surgiu a grande ideia do bloco carnavalesco eletrônico de rua. É isso mesmo! O bloco pioneiro de música eletrônica, que em sua primeira edição levou 2500 pessoas a Rua do Rezende, no Centro do Rio de Janeiro. No ano passado 5000 pessoas prestigiaram o bloco carioca mais irado da cidade.

 

 

Agora em 2020, mais novidades, o BLOCO ME GUSTA firmou parceria com o Festival de Ativação Urbana – FAU, e será realizado no Passeio Ernesto Nazareth, no domingo de carnaval, ao som da mais irada bateria eletrônica, recheado de arranjos e synths eletrônicos, muitos hits e beats.

 

Com muita perseverança, sonoridade diferenciada, qualidade incontestável nos seus serviços e em constante transformação, a ME GUSTA FESTA se tornou ME GUSTA PRODUTORA.

 

“ Produzir eventos ao invés de ficar fazendo festas e mais festas. Aí eu transformei em produtora. E hoje em dia damos consultoria para artistas, prestamos serviços de montagem de bar, fornecemos equipe de produção, som, limpeza e assim atuamos na produção de eventos como fizemos na Meltdown”, explica Deperon, sócio produtor da Me Gusta.

“Na sequência surgiu a ideia da ME GUSTA RECORDS com T_Pazos e o Beranger. Eu já tinha o soundcloud da ME GUSTA, aí convertemos para ME GUSTA RECORDS que serve de plataforma para divulgar o som dos DJs, ajudando conhecidos e desconhecidos a expandir a cultura de estudos e de sonoridade dos DJs e produtores, dando uma maior visibilidade da galera que não é tão conhecida na cena. Clarificando através de novas ideias e minimizando as dificuldades do início da carreira”, completa Deperon.

 

Com um feeling apurado, Fernando Deperon junto com seus sócios, apesar das dificuldades durante o percurso serem maiores pelo fato da Me Gusta ser uma cena totalmente independente, sem patrocinadores, nos deixa uma lição de empreendedorismo e mostra que quando se tem foco, perseverança e tudo é feito com amor, a degustação é garantida!

São 10 anos de uma história de sucesso, sempre em busca de novas sonoridades e em constante metamorfose, sem perder sua essência. Hoje, o mundo ME GUSTA renovado, se transformou em:

ME GUSTA PRODUTORA comandada por Edson Sorrilha e Fernando Deperon.

ME GUSTA RECORDS plataforma de lançamentos, faixas autorais e podcast, comandada por Thiago Pazos e Raphael Beranger. Confira a matéria exclusiva sobre a Me Gusta Records .

E o evento pioneiro do carnaval eletrônico carioca: BLOCO DE CARNAVAL ME GUSTA.

Nesse ano o Bloco ME GUSTA será no Passeio Ernesto Nazareth, Rio de Janeiro no dia 23 de Fevereiro às 16 horas do domingo até às 08 horas da manhã da segunda de carnaval e para garantir a eletrofolia os DJs: Amanda Chang, Andreller, Aryella, AUAD, Beatype, Belch, Beranger, Branca Trentin, Digital X, Ella de Vuono, Facchinetti, Flo Masse, Flow & Zeo, Leo Janeiro, Live Motel, Luthier, Malky, Marcelo VOR, Pachu, Pedro Piu, Ravi Fornari, Saddam, Tata Ogan, T_PAZOS, TOXXINA, Victor Costa.

Você não vai ficar de fora, não é mesmo!? Então . . .

Clica AQUI e pega seu ingresso!! #SóVeeem

 

 

APERTA o PLAY: 

 

#VidaLongaMeGusta 

DANIELA FRÓES

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Daniela Fróes
Musicalmente eclética, apaixonada pela diversidade dos estilos, das festas e festivais, amante de uma boa música, principalmente das batidas eletrônicas. #Música #MúsicaEletrônica - Nunca se precisou de drogas para senti-la, a essência da batida, a sonoridade toca a alma de um jeito que não da pra ficar parado! "Quem não sente a melodia acha maluco quem dança"!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *