“Território de Pesca e Poesia”: Exposição de Fotografias de Luiz Bhering retrata vida de colônia de pescadores de Niterói

O fotógrafo Luiz Bhering apresenta seu mais novo projeto “Território de Pesca e Poesia” no Centro Cultural dos Correios – RJ, uma exposição realizada pelo Museu de Arqueologia de Itaipu, com curadoria de Mirela Araujo, museóloga do MAI e apoio Artepadilla. O artista, formado em Fotografia na City Polytechinc School of Arts and Designer de Londres e premiado na categoria Profissional do concurso Um Dia Em La Vida de Madri, agora expõe sua mais nova série de obras. Composta por 26 fotos impressas em fine art, a exposição retrata a vida da Colônia de Pescadores Z7, localizada na praia de Itaipu em Niterói e a atividade pesqueira no litoral fluminense.

Através das redes, das pegadas na areia, dos cascos das canoas, dos barcos e das expressões no olhar de cada pescador, Luiz Bhering revela a força arrebatadora desta paisagem perdida no tempo e espaço da metrópole carioca. Se vive da pesca, mas não estamos mais falando dos caiçaras do início. São homens contemporâneos, com celulares e filhos na faculdade, que dependem, ainda, da pesca artesanal para sobreviver.

Assim, a exposição tem como objetivo representar todo este território de pesca com a poesia de Luiz Bhering.

 

 

 

 

Sobre Luiz Bhering

Luiz Bhering é formado em Fotografia pela City Polytechnic de Londres. Segue para Madri onde vive durante 8 anos, trabalhando como fotógrafo realizando diversas exposições. Finalista em diversos concursos fotográficos, destaca-se o Primeiro Lugar na categoria Profissional no Concurso Un Dia En La Vida de Madrid – Patrocinado pela Kodak. De volta ao Brasil desenvolve projetos fotográficos, e também a função de printer de Fine Art.

Atualmente dedica-se  exclusivamente à fotografia e ao seu trabalho como artista visual – Expondo em Galerias do Rio e São Paulo, promovendo Workshops, Passeios Fotográficos, fazendo printer para outros fotógrafos e artistas visuais, além de comercializar pessoalmente as suas próprias obras.

​O Rio de Janeiro é uma cidade única. Um dos mais belos cenários naturais do mundo, essa deslumbrante paisagem transformada em cidade nos fascina ao mesmo tempo que nos desafia. Meu interesse não é a paisagem pura e simples, e sim, a interação das pessoas com o cenário ao seu dispor. Nossas vidas, nossa cultura compõem este panorama e, neste ponto de encontro, nesta intersecção da paisagem com a vida é que fixo o meu olhar e aponto a minha câmera. Da mesma maneira no meu Workshop Poética do Olhar, me interessa a fotografia como linguagem, um tipo de escrita aonde os elementos se unem, se contrapõem para formar um poema visual. “A vida anda difícil nos trópicos” E a beleza do Rio parece não combinar com tantas mazelas. Justo esta dicotomia se torna o meu principal foco do meu olhar.
O Rio de Janeiro me presenteia diariamente com infinitas possibilidades. Como um pescador me torno parte da paisagem, me utilizando deste antídoto, continuo a acreditar na vida e na beleza.

Acompanhe as atividades do autor :

SERVIÇO

“Território de Pesca e Poesia”: Exposição de Fotografias de Luiz Bhering

  • Onde: CCCRJ – Centro Cultural dos Correios do Rio de Janeiro
  • Quando: Abertura 13 de novembro às 18h.
    Visitação de 14/11 a 19/1/2020, de terça a domingo, das 12h às 19h.

Para mais informações, entrar em contato com o CCCRJ – recepção pelo número (21) 2253-1580.

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação ArteCult.com
Redação do Portal ArteCult.com.   Expediente: de Seg a Sex - Horário Comercial.   E-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com.   Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *