O DUO CAI SAHRA LANÇA O EP HOMÔNIMO EM TODOS OS APLICATIVOS DE MÚSICA. ASSISTA AO VÍDEO DE “ONTEM À NOITE”, COM A PARTICIPAÇÃO DE LUCAS E ORELHA

O duo pop CAI SAHRA faz sua estreia com o lançamento do EP homônimo – o primeiro de sua carreira – nas plataformas digitais, com distribuição da Universal Music.

Ouça e baixe aqui:

https://umusicbrazil.lnk.to/CaiSahra .

 

Formado pelos cariocas Felipe Ricca e Rodrigo Silvestrini, o duo nasceu em 2016, quando eles começaram a postar nas redes sociais alguns vídeos caseiros de músicas autorais, que hoje somam mais de 2.6 milhões de views.

Produzido por Paul Ralphes e Rodrigo Silvestrini, o EP conta com seis faixas autorais e as participações especiais da dupla Lucas e Orelha e das cantoras Cammie Lary.

Eleita como o primeiro single do novo projeto, a música “Ontem à Noite” conta com a participação de Lucas e Orelha, que também dividem a autoria da composição ao lado de Felipe e Rodrigo. A faixa chega acompanhada de um videoclipe, dirigido por Felipe Leilbold, gravado no Galpão Ladeira das Artes, no bairro de Laranjeiras, Rio de Janeiro.

Assista aqui: 

 

 

 

Outra canção do EP é “Fala pra Mim”, que conta com a participação da cantora Cammie, que assina a faixa em parceria com o duo. Fechando as participações do EP está “Clichê”, feat com a cantora Lary, faixa escrita por ela em parceria com Barbara Dias.

Antes do lançamento do EP, em junho deste ano, o duo apresentou a canção “Eu Sei”, que integra a trilha sonora da novela “A Dona do Pedaço”, da Rede Globo. A faixa também conta com um videoclipe oficial. Assista em:

 

 

 

A também já apresentada “Meu Bem”, um pop com influência do rap, cujo lyric video tem hoje mais de 1,6 milhão de visualizações, arrebatou muitos dos fãs do CAI SAHRA.

 

 

 

Felipe Rodrigo, hoje com 19 anos, se conheceram aos 10, quando estudavam  no Centro Musical Antônio Adolfo, no Rio de Janeiro. Dois anos mais tarde, tocaram juntos numa apresentação. Após esse primeiro encontro musical, Felipe seguiu com aulas de violão e Rodrigo se aprofundou nos estudos de violão, piano e percussão. Após um tempo afastados por conta dos estudos, eles se encontraram novamente em 2016, durante uma jam session na casa de amigos.

A partir desse reencontro, os amigos começaram a compor regularmente, até que resolveram criar o CAI SAHRA. “Na minha infância eu frequentava o litoral de SP e me lembrei dos caiçaras, habitantes das regiões litorâneas do Sul e Sudeste do Brasil. A palavra tem uma sonoridade que gostamos. Então, decidimos criar uma escrita própria e atribuir um novo sentido para ela, mas usando a mesma sonoridadeCAI SAHRA é o nosso estilo de som, que traz violão, voz e manipulação eletrônica“, conta Felipe, o vocalista do duo.

 

 Rodrigo conta que as influências dos dois jovens músicos são ecléticas: “Gostamos de Tiago Iorc, Ed Sheeram, Djavan, Drake“. E que, com o tempo, eles foram desenvolvendo o próprio processo de produção autoral: “Nós escrevemos juntos, montamos uma base de acordes e começamos a improvisar as melodias, partindo sempre de uma ideia acústica“, finaliza.

Atualmente os dois amigos fazem cursos em áreas distintas (Felipe estuda Direito e Rodrigo cursa Publicidade e Propaganda), mas o grande foco em suas carreiras é o CAI SAHRA. “Nosso desejo é viver 100% de música e acreditamos que esse momento um dia vai chegar“, contam os amigos hoje quase irmãos.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Daniela Fróes
Musicalmente eclética, apaixonada pela diversidade dos estilos, das festas e festivais, amante de uma boa música, principalmente das batidas eletrônicas. #Música #MúsicaEletrônica - Nunca se precisou de drogas para senti-la, a essência da batida, a sonoridade toca a alma de um jeito que não da pra ficar parado! "Quem não sente a melodia acha maluco quem dança"!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *