DI FERRERO DISPONIBILIZA A VERSÃO COMPLETA DO PROJETO “SINAIS SESSIONS – MORRO DA URCA”. E TAMBÉM O VÍDEO DE “SÓ REZO”, SUA COLABORAÇÃO COM VITÃO

Hoje, Di Ferrero disponibiliza em todas as plataformas digitais o álbum “Sinais Sessions – Morro da Urca“, seu projeto acústico, na íntegra e sai pela Universal Music. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/SinaisSessionsMorroDaUrca .

O cantor já havia lançado no ano passado duas levas de canções, e agora o restante das músicas chega para complementar esse projeto acústico. As faixas disponibilizadas hoje são “Só Rezo” e “Café”; que contam com a participação de Vitão, “Seus Sinais”, “Viver Bem” e “Onde Estiver” e “Bilhete 2.0”, com Rashid, completa a sequência.

Gravado a céu aberto de dia no Morro da Urca, no Rio de Janeiro, no ano passado, o projeto conta com as participações de RashidManeva e Vitão. As gravações também ganharam o formato de clipe, que estão sendo disponibilizados no canal oficial do cantor no Youtube. Assista agora: https://www.youtube.com/diferrero .

Nos últimos dois anos a vida artística de Di Ferrero deu uma guinada de 180º. A turbulência natural – e até gostosa pela adrenalina gerada – ao experimentar um novo caminho o conduziu a esta ilha de tranquilidade que ele começa a soltar na forma de “Sinais Sessions“. O formato é quase o de uma jam. Di convida o artista, escolhe uma canção do repertório deste, outra da sua própria obra solo ou com o NX Zero que tenha encaixe e mais o que acontecer na hora.

Vitor Kley e Thiaguinho são os convidados para embarcarem na viagem de Di. “A ideia é trocar com os artistas. Cantamos uma minha, uma deles e o que mais a gente quiser. Pretendo fazer isso em vários lugares”, promete.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Daniela Fróes
Musicalmente eclética, apaixonada pela diversidade dos estilos, das festas e festivais, amante de uma boa música, principalmente das batidas eletrônicas. #Música #MúsicaEletrônica - Nunca se precisou de drogas para senti-la, a essência da batida, a sonoridade toca a alma de um jeito que não da pra ficar parado! "Quem não sente a melodia acha maluco quem dança"!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *