SETEMBRO AMARELO: Mês de Prevenção ao Suicídio. Precisamos (sempre) falar sobre isso.

 

 

Olá!

O objetivo deste artigo é te aproximar do tema da campanha 2022 de PREVENÇÃO AO SUICÍDIO – A VIDA É A MELHOR ESCOLHA criada em 2015 pelo CVV (Centro de Valorização da Vida)CFM (Conselho Federal de Medicina) ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria). Aqui você receberá algumas informações importantes como os comportamentos mais comuns de pessoas que tentam o suicídio e orientações sobre como você pode ajudar amigos, familiares ou colegas de trabalho.

Qual o conceito de suicídio? O suicídio é um ato deliberado cuja intenção é a morte de forma consciente e intencional, mesmo que ambivalente, utilizando um meio que a pessoa acredita ser letal.

Quem organiza a campanha brasileira do ‘Setembro Amarelo’? Partindo da premissa de que falar sobre o assunto é muito importante, a campanha teve início em 2015, organizada pela ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria) e pelo CFM (Conselho Federal de Medicina). Lembrando que desde 2003, o dia 10 de setembro é o ‘Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio’. Você pode conferir o site oficial da campanha AQUI (setembroamarelo.org.br).

Quais são os dados oficiais sobre suicídio entre jovens? A OMS (Organização Mundial de Saúde) em seu Relatório 2019, divulgou que o suicídio foi a 4a maior causa de mortes entre jovens com faixa etária de 15 a 19 anos, sendo o suicídio um problema de saúde pública mundial.

E o que leva uma pessoa a cometer suicídio? O desespero, o sofrimento intenso impede que a pessoa perceba outras formas de lidar com o problema. Praticamente 100% dos casos de suicídio estão relacionados a doenças mentais não diagnosticadas ou tratadas incorretamente. É importante que os pacientes tenham acesso a tratamento psicológico e psiquiátrico e façam o tratamento adequadamente.

Quais são os sinais comportamentais que devo observar? É importante destacar o isolamento, a impulsividade, a insegurança, crises de raiva, a baixa autoestima, dificuldades nos relacionamentos, queda no desempenho produtivo (escola e trabalho), a distorção de como a pessoa se percebe fisicamente (imagem corporal), comportamentos de risco (colocar-se frequentemente em risco de vida) e automutilação (se machucar, se cortar, se queimar, etc).

Como devo agir para ajudar meu familiar, amigo ou colega? Não deixe a pessoa sozinha, procure ouvir a sua história e tente acalmá-la, não julgue (observe o seu preconceito), não diga que ‘isso é uma bobagem ou que isso vai passar’, ofereça apoio/suporte, mostre que se preocupa, avise à família que está percebendo alterações de comportamento na pessoa e leve a pessoa a um profissional de saúde mental psicólogo ou psiquiatra.

Quais são os canais gratuitos de atendimentos para emergências? O CVV Centro de Valorização da Vida ligar para 188, os CAPS (Centros de Atenção Psicossocial) do SUS (Sistema Único de Saúde) e o SAMU ligar para 198.

 

Clique na imagem abaixo, divulgada pela ABP e CFM no Dia Mundial de  Prevenção ao Suicídio, para acessar o site oficial da campanha:

 

Clique para ver o site da campanha!

 

 

Se você identificou a necessidade de ajuda profissional faça contato.
Envie perguntas e dúvidas para o canal ArteCult Psicologia.

Psicóloga Regina Murray Loureiro


Vitória-Régia Serviços de Psicologia
21 99752-2980

 

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Regina Murray Loureiro é psicóloga clínica, hospitalar e psicogeriatra pela UFRJ IPUB, mestre em Saúde Pública pela Ensp/Fiocruz. Fundadora da "Vitória-Régia Serviços de Psicologia" e colaboradora do Canal Psicologia no ArteCult.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *