O Processo: documentário histórico sobre o impeachment da presidente Dilma

Pôster do filme "O Processo". Foto: Divulgação

Admito que quando fui convidado a assistir a uma seção fechada para um filme sobre os bastidores do impeachment da “presidenta” Dilma Rousseff , fiquei um pouco desanimado, não por ser de esquerda ou direita , coxinha ou tucano ou qualquer outra denominação que esteja na moda, mas sim porque qualquer produção de cunho político tende a ser tendencioso e tenho por regra não falar sobre política, afinal todos os lados tem seus podres, mas admito, ao assistir “O PROCESSO“, mesmo com todos os seus 150 minutos de duração, não pude deixar de prestar atenção nos seus mínimos detalhes.

 

O filme mostra todos os bastidores do cenário político, logo após aos eventos que culminaram no início do processo político para a retirada da presidente Dilma do poder e foi feito inteiramente com filmagens realizadas no calor dos acontecimentos e com os arquivos jornalísticos. Este documentário se diferencia de outros por não existir um narrador.

Ao longo do filme nos são apresentados os fatos sem qualquer interferência narrativa, apesar de focado em figuras políticas conhecidas atualmente, trabalhando nos esforços para provar a ilegalidade de todo o processo movido contra a presidente, assistir todas as cenas juntas acontecendo em tempo real, pelo lado de dentro do cenário político brasileiro é no mínimo interessante.

As cenas nos fazem parar, pensar e ter a sensação, como muitas vezes acontece em nossas vidas, de estarmos presentes ao vivo, naquele momento, dentro do cenário político da época. Isso realmente é algo curioso de perceber, mesmo que a primeiro momento possa nos parecer que existe um posicionamento de cunho político inserido na estrutura do documentário.

Resultado de imagem para filme O processo

Não há como negar, independente de qualquer posição política que tenhamos ou possuamos, a presença inegável da existência de dúvidas implícitas nas condições, sobres as quais, foram feitas e estruturadas, de forma metódica e calculada, todo o processo contra a presidente.

O filme em alguns momentos mostra posicionamentos no mínimo duvidosos de alguns políticos, mesmo sendo boa parte das filmagens feitas e montadas sobre a ótica dos aliados da presidente Dilma.

Recomendo assisti-lo, independente de qualquer posicionamento político que possuam, pois certamente tem o valor como registro histórico de um fato que marcou a política deste País.

“O Processo”. Um filme de Maria Augusta Ramos.

VEJA O TRAILER:

EDUARDO OLIVEIRA

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Eduardo Oliveira
Nos canais ArteCult e QuadriMundi é responsável pelo contato de negócio com patrocinadores e parceiros. Assessor de negócios de Carlos Ewald. Professor é especialista na área de Quadrinhos. Ministra aulas de perspectiva, criação de ambientes e desenho base de quadrinhos na Lipe Diaz Escola de Artes Visuais. Também acumula a gestão da escola e coordenação. Geek em tempo integral, fã de filmes de ficção e aventura, animes e quadrinhos, incluindo séries de TV. Sempre buscando inspiração em seus mestres Will Eisner, Jack Kirby, Neal Adams, Jonhm Buscema, Garcia Lopez e tantos outros gigantes da nona arte que o fizeram viver grandes aventuras em minha juventude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *