Toda Forma de Amar: Visitamos a Cidade Cenográfica da Nova Malhação

Com estreia prevista para 16 de abril estreia ‘Malhação: Toda Forma de Amar‘ e, como o próprio título já diz, a nova temporada trará como tema central várias maneiras de amar, histórias de jovens guiadas pelo amor.

O ARTECULT visitou a nova cidade cenográfica e verificamos que os cenários escolhidos estão relacionados a dois bairros bem diferentes, Caxias e Ipanema. Serão principalmente nesses locais que toda a trama acontecerá, como a história do casal protagonista:Rita (Alanis Guillen) e Filipe (Pedro Novaes).

Alanis Guillen e Pedro Novaes

Nesta visita tivemos a oportunidade de conversarmos com estes atores e, em breve, teremos publicada a entrevista no site, mas vou adiantar um pouco a história:  Rita uma jovem criada em Queimado, na baixada fluminense, deu à luz a uma menina, que foi dada como morta, porém a criança está viva e foi adotada. Filipe, um jovem estudante de direito, é filho de Lígia e Joaquim, casal que adotou Carolina, filha de Rita. Na tentativa de se aproximar e recuperar a filha, os dois irão se conhecer e construir uma relação com muitas formas de amor.

 

 

Conversamos com um dos cenógrafos, Alexis Pabliano e ele começou contando sobre a preocupação em retratar dois bairros tão diferentes:

“A gente teve a preocupação de facilitar o visual para quem está vendo, sempre se localizar onde você está. Levamos ao extremo os dois bairros, embora em Caxias tenham coisas que se pareçam Ipanema e vice-versa, a gente trouxe para cá a característica de cada bairro. Em Caxias trabalhamos com coisa mais coloridas, mais interferências, fios nos postos, a identidade visual é um pouco mais pesada. E em Ipanema o contrário, foram tons mais sóbrios, mais limpa, contemporânea, trazendo um pouco de novidades na decoração, tendências. Uma loja em container, que traz uma pegada mais sustentável, sempre com muitas plantas. ”

Cidade Cenográfica. Foto: Ellen Soares/Globo.

Só na cenografia são dois profissionais, Alexis e Felipe Serran, mais nove pessoas envolvidas, em sua maioria assistentes, além de uma equipe de obra enorme. Existe, por exemplo, uma parceria com Tico Canato, grafiteiro de SP, que somou arte para o cenário da ONG de Caxias, para a lanchonete na Baixada e para uma loja de bike em Ipanema. Sempre trabalhando esse diferencial entre os bairros.

A cidade cenográfica de Malhação fica no mesmo local ontem era a de Segundo Sol e também foi usado para a série Shippados. Como o espaço de obra ficou pequeno, por conta dos outros dois produtos, algumas coisas do cenário foram construídas atrás, por exemplo, da igreja de Segundo Sol. Assim quando as gravações acabaram, muita coisa já estava pronta.

Confira a galeria de imagens de nossa visita (Fotos: Ellen Soares / Globo)

Malhação – Toda Forma de Amar’ trará histórias de amor que se cruzam, sejam elas sobre casais, pais e filhos, irmãos ou um grupo de amigos. Prevista para estrear em 16 de abril, a trama é escrita por  Emanuel Jacobina, com supervisão artística de Carlos Araújo e direção artística de Adriano Melo.

MARI BARCELOS

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

maribarcelos
Eu me chamo Mariane Barcelos, tenho 26 anos, sou designer e estudante de Audiovisual, construindo uma carreira na área. Já viajei para quase todos os cantos do mundo, inclusive já fui para fora do planeta, já dei um pulo em Marte, conheci uns anéis de Saturno e me aventurei em galáxias muito distantes, me transformei em bruxa, loba e vampira, também já fui super heroína e vilã. Não pensem que sou louca, sou apenas uma cinéfila que enxerga nos filmes uma maneira de se desconectar da realidade, ou quem sabe me conectar, com a minha realidade. Quando eu vejo um filme é para me conectar com aquele mundo, se não estou no clima, digo "nossa que dor de cabeça" e fica para um outro momento. Cinema é para ser sentido, para se apaixonar e se iludir. Encantar. Espero poder compartilhar com vocês, toda essa emoção que eu sinto ao assistir um filme e conseguir fazer com que vocês também embarquem nessa viagem sem destino. Agora através do ArteCult, também faça cobertura de eventos, como o Festival do Rio, RioMarket, Pré-Estreias e afins. Assim como nos filmes, espero poder trazer grandes novidades e coberturas completas em todas as mídias sociais, para que vocês, leitores, possam se sentir sempre imersos ao nosso universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *