TEATRO: Espetáculo 2068, do grupo Máscara EnCena, volta ao Instituto Ling

Indicada em seis categorias do Prêmio Açorianos de Teatro 2019, a montagem dirigida por Liane Venturella usa máscaras expressivas e manipulação de bonecos

O espetáculo 2068, do grupo Máscara EnCena, volta ao Instituto Ling para novas apresentações nesta sexta-feira às 20h e no sábado às 18h. Sucesso de público e crítica, a montagem é umas das recordistas em indicações ao Prêmio Açorianos de Teatro 2019 concorrendo em seis categorias: melhor espetáculo, figurino, iluminação, trilha sonora, produção e elenco.

Com direção de Liane Venturella, a peça usa as máscaras expressivas que já se transformaram na marca registrada do grupo gaúcho, e ainda acrescenta a manipulação de bonecos em cena. Durante o espetáculo, os quatro atores Alexandre BorinCamila VergaraFábio Cuelli e Mariana Rosa dão vida a oito diferentes personagens confinados em um espaço de privação das liberdades individuais, em que, para se manter vivo, é preciso se alimentar constantemente de esperança. Fazendo alusão a uma temporalidade futura, o espetáculo é permeado pelo questionamento: ainda é possível sonhar? Usando as máscaras e os bonecos, além de tecidos e objetos animados, o grupo explora temas como aprisionamento e liberdade.

Sem nenhuma fala, a montagem dá protagonismo à trilha sonora original de Caio Amon e à luz, assinada por Fabiana Santos. “A dramaturgia é construída em boa parte por meio desses dois elementos que colaboram para constituir uma sensação efetiva”, explica o ator Alexandre Borin. Composta especialmente para a peça, a trilha inclui oito composições de diferentes universos musicais e desenho de som cinemático. Entre os destaques, estão uma ária em italiano com voz da soprano Cíntia de Los Santos e um moteto renascentista que conta ainda com as vozes do tenor Eduardo Alves e do baixo-barítono Daniel Germano.

“Contamos histórias bem simples – a complexidade está no olho daquele que assiste. São personagens enclausurados, mas eles ainda conseguem sonhar. Abrimos essa conversa com o público: tu és uma vítima, ou colaboras com a violência, qualquer violência, com teu silêncio?”, finaliza Liane Venturella, que assina a direção e também os figurinos do espetáculo.

Esta programação integra o projeto Ponto de Teatro, que tem patrocínio da Crown EmbalagensFitesa  e America Tampas, e financiamento do Ministério da CidadaniaGoverno Federal.

 

SERVIÇO – MOSTRA PONTO DE TEATRO 2068
Do grupo Máscara EnCena
Direção de Liane Venturella
Com Alexandre Borin, Camila Vergara, Fábio Cuelli e Mariana Rosa
Dias 24 e 25 de janeiro
Sexta-feira, às 20h e sábado, às 18h
Instituto Ling (Rua João Caetano, 440 – Três Figueiras – Porto Alegre/RS)

Classificação indicativa: 12 anos
Duração: 60 minutos

Ingressos antecipados com descontos especiais
R$ 32,00 (inteira)
R$ 24,00 (Banricompras e Clube do Assinante)
R$ 20,00 (meia-entrada)

Ingressos na hora
R$ 40,00 (inteira)
R$ 32,00 (Banricompras e Clube do Assinante)
R$ 20,00 (meia-entrada)

Pontos de venda
Online: www.portoveraoalegre.com.br
Recepção do Instituto Ling: Rua João Caetano, 440: de segunda a sexta-feira das 10h30 às 22h; sábados, das 10h30 às 20h.
Lojas Claro, no Shopping Bourbon Country (Av. Túlio de Rose 80- 2º Piso) e no Shopping Praia de Belas Shopping (Av. Praia de Belas 1181- 2º piso): segunda a sábado, das 10h às 22h e domingos das 14h às 20h;
Shopping Total (Av. Cristóvão Colombo, 545), em frente à Panvel: segunda a sábado, das 10h às 22h e domingos, das 14h às 20h;
Casarão Verde, na Mezanino Produções, no DC Shopping (Rua Frederico Mentz, 1561, Navegantes): segunda a sexta, das 12h às 19h;
Theatro São Pedro, na Chapelaria, a partir do dia 07/01: terça a sábado das 15h às 21h e domingos das 15h às 18h.

Ficha técnica
Direção: Liane Venturella
Dramaturgia: Máscara EnCena e Liane Venturella
Elenco: Alexandre Borin, Camila Vergara, Fábio Cuelli e Mariana Rosa
Trilha sonora original: Caio Amon
Iluminação e operação de luz: Fabiana Santos
Operação de som: Vitório Azevedo
Máscaras: Fábio Cuelli
Bonecos: Rita Spier
Cenografia: Máscara EnCena
Figurino: Liane Venturella
Costureira: Naray Pereira
Direção de produção: Camila Vergara
Produção e idealização: Máscara EnCena

Sobre o Ponto de Teatro
Criado em 2018, o projeto Ponto de Teatro proporcionou, na sua primeira edição, a estreia de sete espetáculos inéditos, cujas temporadas somaram mais de 2 mil espectadores. Foram realizadas também sete oficinas de crítica teatral. Em 2019, o projeto seguiu com a apresentação de seis espetáculos inéditos e a realização de seis oficinas, sempre comandadas pelo jornalista e crítico de teatro Renato Mendonça.

Para compor a programação, três peças inéditas de artes cênicas foram selecionadas por meio de edital: 2068Criaturas da Literatura e Sambaracotu. Os espetáculos escolhidos receberam o apoio financeiro de até R$ 20.000,00 (vinte mil reais), além de serviços de montagem, sonorização e iluminação. Além do edital, a curadoria convidou outras três peças inéditas para participarem do Ponto de Teatro 2019: Homem de Lugar NenhumA Última Peça e Diário Secreto de Uma Secretária Bilíngue.

Informações:
institutoling.org.br
www.facebook.com/InstitutoLing
www.instagram.com/Instituto.Ling
twitter.com/@InstitutoLing
Fone: 51 3533-5700
Email: instituto.ling@institutoling.org.br

Estacionamento: O Instituto Ling possui estacionamento pago, com 40 vagas, e bicicletário gratuito em dois pontos: um localizado dentro do estacionamento e outro na parte externa do prédio, com 32 vagas.

Transporte coletivo: O transporte coletivo de Porto Alegre conecta o centro cultural a diversas regiões da cidade de Porto Alegre. As linhas de ônibus mais próximas são: T2, T2A, T11, T11A, T12, T12A, T13, 344.2, 432, 671 e a lotação João Abbot.

Acessibilidade: o prédio do Instituto Ling foi projetado para propiciar comodidade e autonomia aos portadores de deficiência, além de oferecer excelente conforto térmico e acústico. O Instituto Ling possui o Selo de Acessibilidade da Prefeitura de Porto Alegre, conforme o Decreto nº 15.752 de 05 de dezembro de 2007, que atesta o atendimento da instituição às pessoas com diferentes características antropométricas e sensoriais, de forma autônoma, segura e confortável. O centro cultural oferece também a possibilidade de contratação de um intérprete de Libras, além do acesso à audiodescrição do acervo de artes visuais, dos espaços do prédio e paisagismo. Todo material de audiodescrição se encontra disponível em tablets fornecidos pelo Instituto Ling.

Ação educativa: o Instituto Ling conta com uma equipe de monitoria dedicada a realizar Ações Educativas para escolas ou grupos. As ações acontecem através de visitas guiadas e oficinas especialmente desenvolvidas a partir dos temas relacionados ao acervo e à exposição em cartaz. Também é possível realizar visitas técnicas, com foco no projeto arquitetônico e paisagístico do centro cultural. Para agendar uma visita, escreva para o e-mail educativo@institutoling.org.br ou ligue para (51) 3533-5700. Às instituições públicas ou filantrópicas, o centro cultural também oferece transporte gratuito, de acordo com a disponibilidade de agenda.

Sobre o Instituto Ling
Criado e mantido pela família Ling desde 1995, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade através da educação e da cultura. O Instituto Ling atua em três segmentos: Educação, Cultura e Saúde. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. A abertura de seu Centro Cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre-pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.

Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre, e com a Santa Casa de Misericórdia, em 2019, contribuindo para a construção do novo prédio do complexo hospitalar em Porto Alegre. A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da “holding company” Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação ArteCult.com - Rio
Redação do Portal ArteCult.com - Rio de Janeiro. Expediente: de Seg a Sex - Horário Comerciall. e-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com. Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *