QUANDO VIDA, POESIA: Poeta e ativista cultural Rose Araújo lança seu livro de estreia em Niterói, no Solar do Jambeiro

Evento terá sarau com vários poetas da cena cultural e marca também primeira edição itinerante da CasAmarElinha

 

A poeta e ativista cultural Rose Araujo lança seu livro de estreia “Quando Vida, Poesia” (Editorial Casa) em Niterói, no próximo dia 11/12 (domingo), num sarau, das 15h às 18h, com importantes nomes da cena cultural da poesia no Solar do Jambeiro. A ocasião marca também a primeira edição itinerante do Sarau da CasAmarElinha, criado por Rose durante a pandemia numa casa, em Itaipu, região oceânica de Niterói – também chamada por ela de “ItaiPAZ”.

O projeto de Rose foi premiado pela Associação Profissional de Poetas no Estado do Rio de Janeiro (APPERJ) e também recebeu o Troféu Arte em Movimento. Entre os poetas que estarão presentes, destacam-se Sady Bianchin, Marcela Gianinni, Nuno Rau, Celi Luz, Anna Maria Fernandes, Manoel Herculano, Dan Juan Nissan Cohen, Bayard Tonelli e Lucília Dowslley.

Repleto de versos plenos de esperança, o livro de Rose é uma voz dissonante e transgressora, que foi gestada nos últimos cinco anos, mas tomou sua forma final nos últimos dois anos da pandemia de Covid-19. O livro tem orelha do escritor e revisor Ricardo Alfaya e apresentação do poeta, contista, crítico e tradutor Tanussi Cardoso.

De acordo com Ricardo Alfaya, o mais admirável na obra de Rose são a leveza e o lirismo:

“Presentes mesmo quando a autora registra a recente perda de poetas “querIDOS”: “Voe amigo/sobrevoe/ sua luz não se apaga/ apenas traduz outros prismas/captura outro olhar.” “Quando Vida, Poesia “é dividido em três capítulos. A poeta separou sua obra em capítulos de modo a ressaltar a unificação formal e temática do livro. Embora divididos, os poemas possui um só enredo e estão unidos por um laço: vida e poesia. “Porém, as divisões não são estanques e não impedem os textos, de alguma maneira, de se entrecruzarem em vários momentos, interligando-se emocionalmente”, pontua o premiado poeta Tanussi Cardoso em sua apresentação.

E se há um só enredo no livro de Rose, pode-se dizer que a tônica de seus escritos é o amor. Durante todas as páginas ela fala sobre o amor e mesmo quando não dita, a palavra amor se encontra implícita em seus versos. O amor, enquanto verbo, surge em vários versos. Destaque para sua aparição no poema “Solar”, o último do capítulo Significâncias:

“CasAmarEla/CasAMAR/CasaMar/toda ela/ na casa das casas/ a Terra/ porque amar é linha/ é fio condutor de vida/ é presente/ sina.

O poema Solar, aliás, é uma homenagem ao Espaço das Artes CasAmarElinha, que fomenta a cultura e suas diversas expressões, mesmo local onde acontece o Sarau da CasAmarElinha, em Niterói, no Rio de Janeiro. O sarau acontece através de um aplicativo de mensagens pelo celular e reúne virtualmente poetas de todo o Brasil.

“Fazemos um grupo no whatsapp e posto ali os vídeos recebidos dos poetas com suas declamações. Após cada participação, é possível a interação uns com os outros”, adianta Rose, que, por dever de ofício também assina o projeto gráfico de seu livro.

 

Sobre a autora:

Rose Araújo. Foto: Divulgação.

Nascida em Londrina, viveu muitos anos no Rio de Janeiro. Daí considerar-se tanto paranaense quanto carioca. Atualmente, reside em Niterói. Graduada em Desenho Industrial, desenvolveu inúmeros projetos gráficos, sobretudo no âmbito da fotografia, do design e da música. Também coordena o espaço das artes CasAmarElinha, em Niterói, no qual fomenta a cultura em suas diversas expressões. A autora tem participado de lives, entrevistas e antologias literárias. Além disso, vem idealizando e coordenando saraus poéticos aos quais comparecem relevantes nomes do cenário nacional. “Quando Vida, Poesia”
marca a estreia de Rose em livro solo – obra gestada afetivamente em versos que vêm ao encontro dos significativos fazeres da arte. Eclosão mais do que necessária nesses tempos gris.

 

SERVIÇO

  • Data de lançamento:
  • 11/12, domingo, no Solar do Jambeiro, em Niterói
  • Endereço: Rua Presidente Domiciano, 195, Ingá
  • Das 15h às 18h.
  • Entrada franca   

 

 

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação do Portal ArteCult.com - Rio de Janeiro. Expediente: de Seg a Sex - Horário Comerciall. e-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com. Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *