Pit Fighter: Vou dar Porrada!

Antes do Mortal Kombat já existia um jogo que era um dos preferidos da molecada em todos os fliperamas do BrasiL: Pit Fighter.

Pit-Fighter foi um dos grandes sucessos dos nossos fliperamas. Basicamente é um jogo de briga de rua, com uma pegada de campeonato clandestino de porradaria. Nele vale tudo e você tem a sua disposição 3 personagens para se estapear: Ty, Buzz e Kato, cada um com seu estilos de luta próprios e golpes específicos.

Reza a lenda que os personagens foram baseados no filme “O Grande Dragão Branco”, pois o Ty  é a cópia do Jean Claude Van Damme, Buzz ao Donald Gibb e Kato é Bolo Yeung em todos os detalhes. A cópia não para aí, pois além da aparência física, os golpes são exatamente os mesmos dos personagens do filme. O jogo tinha umas caraterísticas muito maneiras para a época (estamos falando de 1990):

  • Gráficos foto realísticos, que mais tarde seriam adotados no Mortal Kombat;
  • “Multiplayer” – Até 3 jogadores podiam se divertir no Pit Fighter simultanemanete (somente arcade);
  • Uma infinidade de armas para interagir: facas, cadeiras, correntes, motocicletas!
  • Público reativo – Os espectadores reagiam te empurrando de volta para luta se você encostava neles;
  • O clone fighter – uma fase bônus que você lutava contra uma cópia sua;

O jogo teve toneladas de ports:  Mega Drive e Super Nintendo, Master System, Game Boy, Atari Lynx, Amiga, Amstrad CPC, Atari ST, Commodore 64, PC, and ZX Spectrum. Isto devido ao sucesso do jogo. Os controles eram simples :  movimentação  em todas as direções: cima, baixo, diagonais e lados direito e esquerdo e 3 golpes básicos. As lutas eram meio roubadas quando você avançava e uma das coisas mais icônicas era a mudança de fase, que era feita numa empilhadeira, mostrando quanto você ganhava de grana.

Um ponto importante: Pit Fighter era um devorador de fichas de fliperama, pessoal gastava uma grana nele para continuar a jogar!

O vilão final (mega roubado!), o Warrior, era uma cópia do Lorde Homungous, do Mad Max 2 e era a luta mais difícil do jogo.

Pit Fighter é considerado o pai dos jogos de luta moderna e é um clássico que vocês precisam conhecer!

Que tal um gameplay para vocês curtirem?

Quer jogar? Olha a ROM para o MAME AQUI!

Para horas de diversão e muita porrada, eu recomendo este clássico!

ANTONIO MARCELO

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

ANTONIO MARCELO
Jogador desde o antigo Telejogo, caiu na Terra há 50 anos e ainda não conseguiu ligar para casa pra voltar. Ama jogos de estratégia, guerra e espaciais (eletrônicos e de tabuleiro). Game Designer, Programador, artista voxel (isto descobri depois de velho) e Educador (sou apaixonado em transformar as pessoas). O resto são histórias ao pé da fogueira. Site: http://www.voxelhouse.com Artsation: https://www.artstation.com/mgleitef

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *