“Levanta a Mina”: Canal Brasil lança campanha no Dia Internacional da Mulher

Com trilha sonora de Mc Carol e diversidade de corpos, Canal Brasil traz peças que inspiram sororidade. Campanha complementa programação do mês, com foco em protagonismo feminino em filmes, séries, programas e shows

Idealizada e produzida por uma equipe feminina, o Canal Brasil lança uma campanha em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Na peça principal – um filme de 45 segundos – a tela dividida mostra, de um lado, trechos emblemáticos de filmes, série e programas do canal, e, do outro, mulheres anônimas interagindo com essas cenas, ao som de “Levanta Mina”, música de Mc Carol. Para sair do discurso, a campanha inclui ainda uma ação nas redes sociais que estimula os seguidores e espectadores a indicarem mulheres que admiram.

Enquanto Sônia Braga dança na sala de seu apartamento em “Aquarius”, ela toca a mulher que também se movimenta em sua casa; Fernanda Montenegro enche o copo da “mina” sentada do outro lado da mesa em fragmento de “Central do Brasil”; uma mulher admira o sorriso de Marielle Franco – em passagem da série documental que leva o nome da vereadora –; outra oferece um lenço para Giovanna Antonelli enquanto ela chora em “S.O.S. – Mulheres ao Mar”. As cenas mostram momentos de parceria e sororidade entre mulheres brancas e negras, jovens e velhas, gordas e magras, cis e trans, traduzindo diversidade de corpos e mostrando que mulheres crescem ao se apoiar. As peças podem ser vistas no Metrô do Rio e de São Paulo, nos aeroportos do Galeão, Congonhas e Santos Dumont, no VLT (Rio) e em bancas de jornal e painéis de LED.

“A diversidade e a representatividade feminina são pilares importantíssimos do Canal Brasil. Esse nosso movimento se reflete na programação, nas campanhas, nas contratações. O talento das mulheres deve ser reconhecido o ano todo e em todas as esferas”, afirma Camila Roque, gerente de marketing do Canal Brasil.

A campanha reforça o posicionamento do canal sobre o tema e acentua a diversidade como um dos pilares que sustentam sua programação. Para combater a desigualdade de gênero ainda presente nos sets de filmagem, o canal propõe, no mês que abriga o Dia Internacional da Mulher, um especial em homenagem a elas. Durante todo o mês, a programação traz filmes dirigidos por mulheres nas faixas “Cine-Delas” – que há seis anos se dedica a exibir filmes dirigidos por mulheres – e “Clássicos”, além de uma seleção de “Docs Musicais” e da “Faixa Musical” apenas com artistas femininas. No dia 08/03, o canal exibe uma maratona com séries e curtas protagonizados por mulheres fortes. E de 08 a 10/03, será reexibida a série “Marielle, o Documentário”, sempre com dois episódios em sequência.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

maribarcelos
Jornalista por paixão. Música, Novelas, Cinema e Entrevistas. Designer de Moda que não liga para tendência. Apaixonada por música e cinema. Colunista, critica de cinema e da vida dos outros também. Tudo em dobro por favor, inclusive café, pizza e cerveja. Visite: Instagram.com/PortalMariBarcelos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *