DJ RALPH SALVIA: VENCEDOR do DJ CONTEST, abrirá o palco Rio ME no Bunker Festival, em entrevista exclusiva!

Formado  pelo GREAT DJs em 2018 com uma expressividade marcante que imprime intensidade e energia em seus sets, vencedor do DJ CONTEST RIO ME 2019, o talentoso RALPH SALVIA me concedeu uma entrevista exclusiva contando um pouco da sua paixão pela música eletrônica e sobre sua vitória na competição que rolou na FOSFOBOX o que garantiu a ele a abertura do PALCO RIO ME no FESTIVAL BUNKER 2019.

Confira na íntegra o nosso bate papo e conheça um pouco mais do comunicativo e genial RALPH SALVIA:

 

 Ralph, me conta brevemente como foi o início do seu contato com a música eletrônica até vencer o CONTEST RIO ME 2019?

Ralph Salvia: Na verdade minha paixão pela música eletrônica vem de longa data, fui capturado pela sonoridade das principais bandas que já marcavam presença na e-music na Europa e EUA nas décadas de 80 e 90, principalmente as que continham intensas camadas de synths como Depeche Mode, Erasure, Information Society, Daft Punk, The Chemical Brothers, The Prodigy e aqui no Brasil também acompanhava o RPM em sua formação original da década de 80, que também acompanhava essa tendência dos lançamentos do exterior, com músicas recheadas de sintetizadores e presença de grooves dançantes.

Desde os meus 12 anos, em meus aniversários eu já preferia ganhar como presentes CDs dessas bandas e outras compilações de House/Dance Music do que qualquer outra coisa, essas sonoridades me envolveram desde a adolescência.

Desse contato intenso com a música eletrônica surgiu a inspiração para me tornar um DJ e produtor musical, teve esse ponto de partida.

 

E Como foi a experiência, entre quase 80 DJs da cena eletrônica, vencer essa disputa?

Ralph Salvia: Estou me sentindo extremamente feliz e realizado por ter vencido este Contest da Rio Me para o Bunker Festival 2019, pois foi uma competição muito séria, intensa e de alto nível, que em suas 3 etapas reuniu aproximadamente 80 DJs da cena eletrônica do Rio de Janeiro e culminou na grande final entre os 5 melhores disputando performances ao vivo diante dos jurados no club Fosfobox, aonde tive a felicidade de conquistar a vitória.

E para mim teve um significado de peso justamente por envolver várias etapas e exigir dos participantes que demonstrassem sua performance ao vivo em frente aos jurados na grande final, indo muito além do que apenas contar com votação popular.

 

Qual a sua expectativa para este mega evento que é o Festival Bunker?

Ralph Salvia: Expectativa enorme de casa cheia e shows marcantes e inesquecíveis para esse imenso público lindo e plural, que vai comparecer no Rio Centro neste próximo sábado. Por ser um festival multicultural, será um grande encontro de tribos numa união harmoniosa com o objetivo de celebrar a arte, a música e a diversidade, em suas diversas formas de expressão e sonoridades distintas, será um mega evento!! Que estou muito feliz em participar, pela primeira vez como artista, no palco Rio ME voltado à música eletrônica.

 

Ralph Salvia – fotos de Luck Veloso.

 

Qual sua visão sobre o cenário eletrônico brasileiro atualmente?

Ralph Salvia: Vejo que está super aquecido e se expandindo cada vez mais, os mais variados estilos musicais tem cada vez mais usado elementos eletrônicos em suas misturas, a música eletrônica é muito plural pois pode existir em sua mais pura forma ou entremeada em camadas presentes em outros estilos musicais ajudando-os a se renovarem, adquirindo uma nova roupagem.

No Brasil, por sua imensidão e diversidade, existe mercado para a música eletrônica de toda natureza, em suas mais variadas vertentes.

 

Em relação ao futuro da música eletrônica no Brasil, qual sua opinião?

Ralph Salvia: A música eletrônica é muito rica, e de certa forma ainda era um pouco desconhecida para um grande público, dada a imensidão territorial do país ela sempre esteve presente de maneira segmentada para quem já acompanhava e sempre curtiu a cena eletrônica localmente. Porém atualmente já atinge o conhecimento do grande público pelo país afora principalmente após ter atingido a grande mídia e pelo fato de outros estilos musicais terem incrementado elementos e sonoridades oriundos da música eletrônica em suas misturas. Nestes últimos anos estamos vendo artistas representando a cena eletrônica comercial e a cultura do DJing em programas de televisão, grandes shows e festivais ao redor do país. Isso é maravilhoso, bem como a música eletrônica underground também mantém todo o seu posicionamento e está conquistando ainda mais espaço, muito pelo número cada vez maior de DJs e produtores extremamente talentosos que surgem a cada dia e se somam a grandes feras que já estão presentes como artistas da cena eletrônica há décadas, enriquecendo ainda mais o cenário da música eletrônica e nos fazendo acreditar num crescimento ainda maior nos próximos anos.

 

Na pluralidade da proposta do Festival Bunker, você pode adiantar o que você está preparando para dar o start do Palco RIO ME?

Ralph Salvia: Uma pegada bem energética!! Tenho uma expressividade bem marcante e intensa em minhas apresentações, em meus sets. E sendo o responsável por abrir o palco Rio ME vou ajustar e equilibrar essa energia intensa que tenho para poder receber e aquecer o público para a grande festa, em uma noite maravilhosa de muita música boa e celebração da união e do amor entre as pessoas, seguindo a proposta do evento de curtirmos todos juntos, pois #SomosTodosIguais.

 

Pra finalizar um pouco da sonzeira energética do set de RALPH SALVIA para aquecer o público para o Festival Bunker que acontece amanhã, dia 24/08 no Rio Centro – RJ.

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Daniela Fróes
Musicalmente eclética, apaixonada pela diversidade das festas e festivais, amante de uma boa música, principalmente das batidas eletrônicas. #MúsicaEletrônica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *