Entrevista com elenco da peça MERCEDEZ COM Z

Imagina ir ao teatro e ainda receber por isso? A Cia. De Comédia Os Melhores do Mundo, está apostando nesta estratégia para atrair público para assistir o espetáculo “Mercedez com Z” – que está entre as dez melhores peças vistas em São Paulo em 2018 segundo o Jornal “O Estado de S.Paulo” – e está em cartaz no Teatro Cândido Mendes, em Ipanema, e vai até 20 de dezembro!

A peça que já foi vista por mais de 10 mil expectadores em Brasília e seis mil em São Paulo, traz um humor inteligente e recheado de tiradas criativas e leva os fãs de teatro a uma experiência singular pois estão prestigiando profissionais cujo forte são as produções autorais que já foram assistidas mundo afora.

As 30 primeiras pessoas que chegarem na bilheteria, após às 18h do dia do espetáculo durante as sessões de setembro e outubro, além de não pagarem os R$50,00 do ingresso, ainda ganham um vale de R$10,00, que pode ser retirado em dinheiro ao final do espetáculo com os próprios atores, ADRIANA NUNES e RICARDO PIPO.

O ARTECULT foi entrevistar então os atores da peça para saber mais sobre esta idéia e sobre o espetáculo que já foi considerado um dos melhores deste ano! Veja o vídeo abaixo, entrevista de Mari Barcelos :

 

AC ENTREVISTA – ADRIANA NUNES E RICARDO PIPO

 

 

 

 

SINOPSE:

Mercedez com Z conta a história de uma dona de casa suburbana, Mercedez, que abre seu coração para um locutor de rádio das madrugadas. Se revezando em vários personagens, Adriana Nunes e Ricardo Pipo permitem, então, que o espectador entre em contato com um universo feminino terno e verdadeiro onde transitam, com naturalidade e humor, temas como sexo, trabalho, vaidade, educação, família, direitos e comportamento etc.

O espetáculo se propõe a retratar, através de uma história de vida, os percalços que as mulheres têm enfrentado rumo ao empoderamento feminino. A comédia traz à luz o cotidiano com o qual tantas mulheres se identificam, e nele o exercício em busca de seus direitos e deveres, num caminho inevitável e transformador, porém ainda tortuoso, para uma sociedade que enxergue homens e mulheres de forma harmônica. Mercedez com Z é, acima de tudo, um espetáculo que trata de esperança, felicidade e amor com muito humor!

SERVIÇO

ESPETÁCULO ‘MERCEDEZ COM Z’

TEMPORADA NO TEATRO CÂNDIDO MENDES

  • Teatro Cândido Mendes– Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema
  • de 20 de setembro a 20 de dezembro,  todas às Quinta-feira, às 20h
  • (AO LADO DO METRÔ NOSSA SENHORA DA PAZ)
  • Ingressos: R$50,00 mas ATENÇÃO: DESCONTO PARA SEGUIDORES DO ARTECULT na LISTA AMIGA (enviar nome, sobrenome e telefone WhatsApp para dicasdeteatro@artecult.com) e também os 30 primeiros que chegarem na bilheteria, ganham um vale de R$10,00, que pode ser trocado no final da peça por este dinheiro.
  • Informações: (21) 98144-0044
  • Classificação:14 anos
  • FICHA TÉCNICA:
  • Texto: Victor Leal
  • Elenco: Adriana Nunes e Ricardo Pipo
  • Direção: Adriana Nunes
  • Assistente de Direção: Adriano Siri
  • Concepção estética de cenário e figurino: Coletivo Irmãos Guimarães
  • Iluminação e trilha sonora original: Marcello Linhos
  • Design Gráfico: Welder Rodrigues
  • Sonoplastia: Adriana Nunes e Adriano Siri
  • Apoio: Cia de Comédia Os Melhores do Mundo
  • Produção:
  • C de Coisas
  • Realização RJ:
  • Alina Lyra– 21 98144-0044
  • Akaparra Produções alkaparra@alkaparra.com.br

 

MARIANE BARCELOS
Siga-nos no Instagram @artecult / @TiltCine / @barcelosmariane

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

maribarcelos
Eu me chamo Mariane Barcelos, tenho 26 anos, sou designer e estudante de Audiovisual, construindo uma carreira na área. Já viajei para quase todos os cantos do mundo, inclusive já fui para fora do planeta, já dei um pulo em Marte, conheci uns anéis de Saturno e me aventurei em galáxias muito distantes, me transformei em bruxa, loba e vampira, também já fui super heroína e vilã. Não pensem que sou louca, sou apenas uma cinéfila que enxerga nos filmes uma maneira de se desconectar da realidade, ou quem sabe me conectar, com a minha realidade. Quando eu vejo um filme é para me conectar com aquele mundo, se não estou no clima, digo "nossa que dor de cabeça" e fica para um outro momento. Cinema é para ser sentido, para se apaixonar e se iludir. Encantar. Espero poder compartilhar com vocês, toda essa emoção que eu sinto ao assistir um filme e conseguir fazer com que vocês também embarquem nessa viagem sem destino. Agora através do ArteCult, também faça cobertura de eventos, como o Festival do Rio, RioMarket, Pré-Estreias e afins. Assim como nos filmes, espero poder trazer grandes novidades e coberturas completas em todas as mídias sociais, para que vocês, leitores, possam se sentir sempre imersos ao nosso universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *