VINGADORES – ULTIMATO: Uma obra-prima monumental sobre super-heróis

O tão aguardado desfecho está entre nós. “Vingadores – Ultimato” (Avengers – Endgame) é a Marvel Studios em toda a sua magnitude entregando algo magistral para a história do cinema.

Com direção dos Irmãos Russo, o filme situa-se através da prerrogativa “parte de uma jornada é o fim…”. Por mais difícil que seja nos despedir do nosso grupo de heróis. Tudo é consagrado de maneira apoteótica e inesquecível. Com muita emoção, vibração e muitas risadas, o público ficará maravilhado com o que eles prepararam.

Estão prontos para o “Ultimato”?

Confira agora então a nossa crítica (sem spoilers!).

A trama segue o desfecho do total de 22 produções do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) em torno dos seus onze anos, que foi iniciado com o filme “Homem de Ferro”. Aqui, todos os personagens estão bem estabelecidos para o público que acompanha este universo desde o começo. Os Irmãos Russo trazem novamente sua marca registrada, mas nesta conclusão aplicam um maior peso ao drama, mostrando todas as consequências para seus personagens ao lidar com a perda. O roteiro é outro ponto muito bem alinhado neste filme produzido mais uma vez pela excelente dupla Christopher Markus e Stephen McFeely, pois através de boas dinâmicas e timing, nem sentimos o tempo passar apesar de se tratar de uma trama de aproximadamente 3 horas de duração. Neste capítulo final, vemos as consequências do estalar de dedos do Thanos e os transtornos que isso ocasionou em nosso planeta, no Universo e para todos os nossos heróis.

Marvel Studios’ AVENGERS: ENDGAME. Tony Stark/Homem-de-Ferro (Robert Downey Jr.). Foto: Film Frame. ©Marvel Studios 2019

É notório o amadurecimento dos elementos que compõe o Universo MCU, nada é colocado ao acaso, tudo aquilo apresentado tem um verdadeiro sentido, significado e peso, principalmente neste desfecho. Mesmo colocando em maior evidência a formação original dos Vingadores (2012), os coadjuvantes aqui ganham tempo em tela e possuem suas devidas importâncias.

Tudo funciona de maneira orquestrada, sem causar estranheza e nos levando a refletir como eles poderão seguir em frente diante de tamanho estrago. Seria possível reverter tal situação? As transformações dos personagens diante das consequências trazidas pela ação do Thanos são colocadas de forma fluida e coesa, tendo sua devida correlação à trama principal. Vai muito além de salvar o universo, tem a ver sobre lidar com perdas e principalmente sobre família. Aliás, esta é a palavra que consagra a história, o conceito da palavra família em toda a sua magnitude.

Marvel Studios’ AVENGERS: ENDGAME. Foto: Film Frame. ©Marvel Studios 2019

Vingadores: Ultimato traz uma excelente fotografia com tomadas orgânicas e fluídas, uma ótima trilha sonora que promove ainda mais imersão na história e, no quesito atuações, nos são apresentadas as novas faces dos personagens que ainda não tínhamos a oportunidade de conhecer. Outro grande ponto positivo foi isolá-los em grupos, assim suas respectivas ações e interações são bem conduzidas. Além destes fatores, outro que mais me chamou a atenção foi a quantidade de fan services oferecidos, “Wow”… de fazer brilhar os olhos de qualquer fã dessa saga e das HQ’s. São referências e muitas referências, terei que assistir novamente para me atentar a todas elas.

Marvel Studios’ AVENGERS: ENDGAME. Nebula (Karen Gillan) and Captão América/Steve Rogers (Chris Evans). Foto: Film Frame..©Marvel Studios 2019

E é claro, precisamos reforçar sobre o grande elenco. E que elenco meus amigos, um longa repleto de nomes de peso de Hollywood. Durante todo o filme é demonstrada a importância que cada um daqueles personagens tem em nosso coração e para aquela saga. Uma cena em especial (não posso dar mais detalhes, pois não quero dar spoilers), é um deleite, épica, nada visto antes no cinema com esta grandiosidade e riqueza de detalhes.

Para contar esse último capítulo, algumas decisões funcionaram diferentes das estruturas das outras produções. Todo o primeiro ato dedica-se a criar o embasamento necessário antes de chegar “às vias de fato”, ao clímax do filme. Mas a espera é completamente válida e supera todas as suas expectativas.

Podemos afirmar que estamos diante da proposta mais ousada e épica do cinema contemporâneo. Há anos que não tenho uma experiência como esta que Vingadores: Ultimato me proporcionou. E digo isso desde “Avatar” de James Cameron. Acompanhar essa jornada e me despedir destes grandes personagens, faz com que a nostalgia grite. Você fã e que gosta de cinema, corra para conferir essa obra-prima apoteótica!

Confira o trailer:

 

 

 

 

Obrigado a Marvel Studios e aos Irmãos Russo por nos presentear com algo único e especial! Muito difícil dizer “Adeus”!

Nota: 10

LUAN RIBEIRO

 

 

 

 

 

Acompanhem-nos em nossas redes sociais:

@artecult , @cinemaecompanhia , @tiltcine@cabinesete ,  @cinestimado e @resetdepoisdever

Acompanhe o resumo do dia do universo de Cinema & Séries:

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Luan Ribeiro
Sou natural de Mata de São João, Bahia, mas atualmente moro na cidade do São Paulo. Sou formado em Engenharia, mas sempre tive uma verdadeira fixação pelo universo cinematográfico e sou o admin do @CinemaeCompanhia no Instagram. Assistir um filme é minha válvula de escape para mergulhar e me aventurar em mundos totalmente novos e me desligar dos problemas do dia-a-dia. Aproximadamente de duas a três vezes confiro as estreias da semana nas telonas, digamos que eu seja quase um “rato de cinema”. rs Será um enorme prazer compartilhar aqui minhas opiniões sobre os filmes e suas principais curiosidades. E uma ótima oportunidade para poder aprender e "trocar figurinhas" com todos vocês! Espero que se divirtam muito e curtam minhas dicas. Que a FORÇA esteja com vocês!!! Forte abraço! Luan Ribeiro. Instagram.com/CinemaeCompanhia e-mail: luancribeiro@hotmail.com

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *