BOHEMIAN RHAPSODY: Uma celebração estonteante a uma maiores bandas de todos os tempos!

Um dos filmes mais aguardados dos Estúdios Fox já chegou em todos os cinemas : “Bohemian Rhapsody” . O filme propõe numa demonstração épica e exuberante de talento musical, a cinebiografia de uma das maiores e mais lendárias bandas do mundo, QUEEN e seu vocalista e ícone Freddie Mercury . Freddie com sua personalidade e talento eternizou sua arte, lembrada para sempre nos corações de todos os seus fãs. A trajetória da lendária banda que se tornaria um sucesso no cenário musical, a excentricidade de Freddie, a composição das suas principais canções, os shows meteóricos, a doença que afetou o cantor até a sua redenção, tudo é colocado de maneira bastante assertiva nesta proposta cinematográfica.

Nesta adaptação biográfica, tanto de Freddie como do Queen, o que não é algo de pouca complexidade, o filme em si tinha obrigação de imprimir os principais acontecimentos da banda, sua percepção do mundo, seu diferencial na indústria musical daquela época, além de trazer as camadas da sua principal estrela o Freddie Mercury. Existe todo um legado e uma ideologia que a banda imprimiu que atravessa gerações e justamente por isto os fãs são extremamente exigentes.

Freddy Mercury e Rami Malek caracterizado na lenda do Rock em Bohemian Rhapsody

O filme possui direção de Bryan Singer, responsável por grandes produções como alguns filmes da franquia X-Men, que após ser retirado da produção teve como substituto o Dexter Fletcher ( uma troca de direção em qualquer que seja o filme é bastante arriscada ), aqui podemos ver uma dinâmica diferente entre o primeiro e o segundo ato da trama, cujos fatos desta última se desencadeiam de forma acelerada para que possa relatar os principais fatos da banda. Contudo, possuímos também pontos de extrema relevância como: a excelente fotografia, a edição de imagem, locações grandiosas, repertório diversificado com os principais hits da banda e uma boa utilização do timing cômico, assim, todos estes elementos alavancam a produção a uma potência de encher os olhos de todos os telespectadores.  Pontos que podem ser considerados negativos seriam alguns furos no roteiro e uma ligeira pressa para os acontecimentos do show Live Aid, desta forma a sensação que se tem é que poderíamos ver mais camadas do astro Freddie Mercury, ficamos sentindo um gosto de querer conhecer e saber mais sobre este rico personagem dessa grande história que é “Bohemian Rhapsody”, mas estes pontos não diminuem de maneira nenhuma a experiência que nos é presenteada e sentir as emoções que o mesmo provoca.

Em relação ao elenco vemos escolhas bastante acertadas como Rami Malek que faz o papel principal, o mesmo convence a todo instante através de sua desenvoltura, sua voz, sua postura… ele É o Freddie. E é impressionante a semelhança entre ambos, o público ficará maravilhado com essa atuação primorosa por parte do mesmo, que acredito que receberá ao menos indicação ao Oscar pelo papel. Outros atores do elenco também que tiveram ótimas interpretações e merecem ser mencionados são: Ben Hardy como Roger Taylor, baterista da banda, Gwilym Lee como Brian May, guitarrista da banda e Joseph Mazzello como John Deacon, baixista da banda. Todos desempenham seus papéis extremamente bem e com a excelente química com o principal protagonista, a banda realmente se entende como uma família. Além é claro da ótima atuação da atriz Lucy Boynton como Mary Austin, companheira de Mercury ao longo da vida, para quem o cantor compôs a música “Love of my Life”.

Rami Malek, como o vocalista Freddie Mercury, Ben Hardy como Roger Taylor, baterista da banda, Gwilym Lee como Brian May, guitarrista da banda e Joseph Mazzello como John Deacon, baixista da banda.

Bohemian Rhapsody é um grande espetáculo para celebrar a música em um contexto geral, além de ser uma linda homenagem ao astro Freddie Mercury e aos fãs da banda Queen. O filme diverte, emociona e nos deixa hipnotizados, exatamente como Freddie fazia com seu público em seus shows e como o mesmo fala “Todos Nós Somos Lendas! ”.

Confira o Trailer

 

 

 

Corram para conferir essa grande história sobre a trajetória musical de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos.

Assistam “Bohemian Rhapsody”, God save the Queen, God Save Freddie Mercury!!

LUAN RIBEIRO

Acompanhem-nos em nossas redes sociais:

@artecult e @cinemaecompanhia

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Luan Ribeiro
Sou natural de Mata de São João, Bahia, mas atualmente moro na cidade do Rio de Janeiro. Sou formado em Engenharia, mas sempre tive uma verdadeira fixação pelo universo cinematográfico e sou o admin do @CinemaeCompanhia no Instagram. Assistir um filme é minha válvula de escape para mergulhar e me aventurar em mundos totalmente novos e me desligar dos problemas do dia-a-dia. Aproximadamente de duas a três vezes confiro as estreias da semana nas telonas, digamos que eu seja quase um “rato de cinema”. rs Será um enorme prazer compartilhar aqui minhas opiniões sobre os filmes e suas principais curiosidades. E uma ótima oportunidade para poder aprender e "trocar figurinhas" com todos vocês! Espero que se divirtam muito e curtam minhas dicas. Que a FORÇA esteja com vocês!!! Forte abraço! Luan Ribeiro. Instagram.com/CinemaeCompanhia e-mail: luancribeiro@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *