SPITTER DRAGON: A editora que veio incendiar o mercado de super-heróis BR!

 

A Editora Spitter Dragon chegou ao mercado  de quadrinhos brasileiro com energia, qualidade e vontade de mudar o cenário e caminha para conquistar esse público.

Com diversas edições já financiadas, por meio da plataforma Catarse, tem por característica produzir material com um grande esmero gráfico, que contempla capa dura, papel couche e acabamento de primeira.

Conta com talentosos artistas que abrilhantam suas páginas com muita ação e belas artes, sustentadas por histórias escritas por quem gosta do gênero.

Posso atestar pelo primeiro de seus lançamentos Bellona, Fúria da Guerra, já comentada em outro post.

Bellona – Fúria da Guerra

Para conhecermos melhor o trabalho dessa jovem editora entrevistamos seu proprietário, Alexandre Pauli:

1 – Quem é Alexandre Pauli?

Alexandre Pauli

Alexandre Pauli tem 43 anos, é escritor, roteirista e editor. Nascido no RS é pai, marido e apaixonado por quadrinhos, cinema, literatura e RPG. Fundou a Spitter Dragon em 2018 e é o principal criador de personagens para o Spit Universe utilizando-se de seu cenário Combatentes RPG criado em 1992. Alexandre é formado em Administração e em Contabilidade e é pós graduado em Gestão Pública e em Gestão de Projetos Sociais. Trabalha como Tesoureiro do Legislativo Municipal de sua cidade.

Patrulha Sideral

2 – Qual é a proposta da editora Spitter Dragon?

A Editora Spitter Dragon surgiu no mercado nacional em 2018 e de lá pra cá se orgulha de contar com mais de 18 colaboradores envolvidos nas diversas produções já lançadas e diversas outras em produção. Quadrinhos, Lights, Mangás, RPG, livro-Jogos, Jogos e muito mais vem sendo desenvolvido por esta equipe maravilhosa! Com a missão de produzir obras com qualidade, profundidade e continuidade, a Spitter, vem a cada dia, conquistando mais leitores.

Produzir materiais que possam fazer frente a qualquer outro lançado pelo mercado estrangeiro é nosso maior objetivo, por isso primamos em fazer bem feito. Somos apaixonados pelo que fazemos, aí está o segredo!

3 – Fale-nos sobre o interesse da Spitter em relação ao segmento de Super-heróis BR, por favor.

Fomos ousados desde o início. Pensamos em criar, de imediato, um universo super heroico. Algo com ligações e teor. Eu já possuía uma boa base com o RPG que havia criado em 1992, chamado Combatentes. Ali, eu adolescente, possuía dezenas de ¨supers¨ que foram se desenvolvendo naturalmente com minha maturidade e a “vida própria” deles em jogos na minha mesa junto com amigos. Rochedo, Chama, Legado, Elite, Barão Escarlate, Two Blades, e tantos outros vieram dali, das nossas aventuras fantasiadas nas sessões noturnas de meu desenvolvimento pessoal. Quantas centenas de aventuras eles estiveram, quanto alimento pra nossa criatividade hoje formularam… enfim, tínhamos muito material, e junto com o que demais escritores nos presentearam, tem sido um privilégio tê-los de volta a vida!

Astron – atualmente em campanha no Catarse

4 – Na sua opinião, qual é a principal força e principal fraqueza dos quadrinhos brasileiros?

Historicamente, a arte brasileira tem precedentes incríveis. Fomos abençoados com excelentes ilustradores e coloristas. Artistas plenos, porém, nos textos, deixávamos muito a desejar. Um exemplo é quando tratamos de literatura, e vemos as décadas em que não lançamos nada de grande aclamação, reconhecimento internacional. Nos quadrinhos seguiu-se essa mesma linha. Graças a Deus, isso tem mudado já há alguns anos.

Spit Universe, mulheres poderosas e empoderadas!

5 – O que esperar da Spitter Dragon para o ano de 2022? E qual sua visão em relação ao mercado de quadrinhos para o próximo ano?

2022 será um ano mais que especial para Spitter Dragon. Já tem sido maravilhoso. Muito maravilhoso! Nesse novo ano estaremos lançando mais materiais, alimentando ainda mais nossas linhas editoriais e nossos universos fantásticos. Teremos, se tudo correr bem, a volta dos eventos e isso ajudará muito na divulgação e aceitação de nossos trabalhos e de todas as demais editoras e selos brasileiros. Será um ano fantástico para o mercado brasileiro.

Fatal Protetora

6 – Envie uma mensagem para todos nossos seguidores, por favor.

Confiem, acreditem e consumam o quadrinho brasileiro. Vocês se surpreenderão com o que vão encontrar e será muito gratificante a todos, vermos esse mercado em crescimento, esses inúmeros universos em crescimento.

Bagman

 

Pauli, em nome do canal Quadrimundi e de todos do Portal ArteCult, agradecemos a gentileza da entrevista.

Espero que você, leitor apaixonado por Super-heróis BR, tenha gostado de nossa matéria e principalmente possa conhecer o belo trabalho da Spitter Dragon.

Siga a “Spit”nas Redes: @spitterdragon

https://www.instagram.com/spitterdragon

https://web.facebook.com/spitterdragon

 

 

HQ’s da Spitter Dragon: Patrulha Sideral, Two Blades, Trinity, Baronesa Escarlate e Bellona

Comente e compartilhe nas redes sociais.

Até a próxima !

#superheroisnacionaisquemapoiafazhistoria

ADALBERTO BERNARDINO

Clique AQUI e veja mais matérias sobre Quadrinhos, Mangás e Animações !

Siga-nos no Instagram : @QuadriMundi !

Conheça o DIA DO SUPER-HERÓI BRASILEIRO
www.diadosuperheroibrasileiro.com.br

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Adalberto Bernardino
Adalberto Bernardino é colecionador de história em quadrinhos, apaixonado pelo gênero de Super-heróis e em especial pela produção nacional. Colabora com a divulgação de material brasileiro por meio de resenhas é artigos, que expressam o seu prazer em consumir esse material. Colabora com sites e revistas eletrônicas. Recentemente criou o personagem Conector, em produção para sua estreia como roteirista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *