Parks & Recreation: Um ótimo exemplo de série de comédia atemporal e de crítica inteligente

 

Amy Poehler entrou para o hall dos atores/atrizes que criaram um personagem com tanta autenticidade que sequer conseguimos imaginar alguém diferente para fazer este papel. Leslie Knope é esta personagem. A vice diretora do departamento de Parques e Recreação da fictícia cidade de Pawnee da série “Parks & Recreation“, sonha em um dia se tornar a primeira presidente eleita dos Estados Unidos, e para isso, leva seu trabalho a sério, ainda que todos os outros funcionários achem isso um tanto quanto exagerado.

A fórmula lembra muito a de The Office, especialmente na primeira temporada. Natural dado que Greg Daniel e Michael Schur estão reunidos aqui também. As séries, no entanto, guardam uma diferença que entendo como primordial, pensando nos dias de hoje. O humor de Parks me parece mais sofisticado. Ainda que utilize da fórmula de explorar assuntos delicados, soa menos constrangedora na maioria das vezes.

Entre as temporadas perdemos uma das grandes personagens, mas, em compensação ganhamos outros dois que compensam a saída desta, ao mesmo tempo que Amy Poehler conduz a história até seu último episódio. É impressionante como todos os personagens são cômicos a sua maneira: Ron Swanson e suas ex-esposas Thammys, April Ludgate, Andy Dwyer, Donna Meagle, Tom Haverford, Ann Perkins, Ben Wyatt, Chris Traeger, Jerry Gergwich e os coadjuvantes mais incríveis de séries de comédia Joan Calamezzo e Perf Hapley. Se a televisão e o jornalismo tivesse um resumo, este certamente poderia ser o mais cômico.

O que mais aproxima Parks de nossa vida, no entanto, é que já nos deparamos em nossa vida profissional com pessoas que de fato se assemelham com os personagens e suas motivações. Isso faz da série um feito atemporal, com uma crítica pontual, mas, que infelizmente parecerá sempre moderna sobre política e um elenco afiado em que conseguimos sentir amizade em cena a todo momento.

Parks faz mais que ser uma ótima série de comédia. Ela te faz desejar estar em um mundo com aquelas pessoas, respeitar individualidades e principalmente buscar seus sonhos (ou ao menos começar a ter um).

O sucesso apesar de vir em grande parte do roteiro incrível que faz tudo isso possível, deve ser compartilhado com Amy Poehler, que vale ressaltar, faz chover desde o primeiro episódio. Uma das personagens mais inspiradoras da história da televisão.

Nota: 8/10

Para quem não assistiu ainda, abaixo separei o trailer para despertar o desejo de maratonar essa obra prima.

 

 

 

 

Até mais e bons filmes e séries! 😉

 

JOÃO FRANÇA FILHO (@CINESTIMADO)

Siga nosso Instagram!

 

 

 

 


ArteCult Cinema & Companhia

Siga nosso canal e nossos parceiros no Instagram para ficar sempre ligado nas nossas críticas, últimas novidades sobre Cinema e Séries , participar de sorteios de convites e produtos, saber nossas promoções e muito mais!

  

@artecult,@cinemaecompanhia,@cabinesete,
@cinestimado,@sinistros.bagulhose@hospicionerdoficialp

#VamosParaOCinemaJuntos

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

JOÃO FRANÇA FILHO
Sou natural de São Paulo e minha paixão pelo cinema começou quando tinha 15 anos. Meu irmão tinha uma das hoje extintas videolocadoras, a qual tive o prazer de trabalhar, e entre a abertura e o fechamento dela aos domingos (dia em que ficava por lá), colocava vários títulos para rodarem pela televisão, o que foi aguçando minha paixão pela sétima arte. A necessidade de escrever, no entanto, começou depois. Não lembro ao certo quando, mas, o fato de assistir um bom filme no cinema e muitas vezes não ter com quem compartilhar, me deixava literalmente engasgado. Foi assim que comecei a escrever críticas em meu facebook pessoal e, em uma experiência profissional no Rio de Janeiro, uma amiga me alertou que queria divulgar mais minhas críticas para seus amigos, e que talvez seria legal eu pensar num perfil que não pessoal. Foi ai que nasceu o @cinestimado. Administrador de formação e pós graduado em finanças corporativas, apaixonado pela minha profissão, tenho em meus textos comentários técnicos do que aprendo por curiosidade lendo sobre cinema e principalmente pela paixão que tenho pela sétima arte. instagram.com/cinestimado e e-mail para contato: jb.francafo@gmail.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *