Nos Tempos do Imperador – O sonho de Pilar, a luta de Jorge e o encontro dos dois

O primeiro encontro de Pilar ( Gabriela Medvedovski ) e Jorge ( Michel Gomes ) – Foto: Globo/Paulo Belote

Em ‘Nos Tempos do Imperador’, nova novela das seis que estreia no dia 09 de agosto, a jovem Pilar (Gabriela Medvedovski) tem um sonho: se tornar a primeira médica do Brasil. Mas enfrenta, desde pequena, o peso de ser uma mulher do século XIX. Determinada, tenta convencer o pai Eudoro (José Dumont), fazendeiro e coronel da Bahia, a deixá-la estudar medicina. Viúvo, ele criou, sozinho, ela e a irmã, Dolores (Júlia Freitas/ Daphne Bozaski).

Pilar passou anos em um convento, onde estudou e teve ainda mais a certeza de que queria ir em busca do sonho de se tornar médica, um objetivo quase impossível na época, visto que as mulheres eram proibidas de ingressar nas faculdades. Enquanto isso, a irmã Dolores sofreu com sua ausência, mas sempre pôde contar com seu amor.

Pilar ( Gabriela Medvedovski ) e Tonico ( Alexandre Nero ) – Foto: Globo/Camilla Maia

Quando as meninas ainda eram pequenas, Eudoro prometeu casar Pilar com o Tonico (Alexandre Nero), futuro candidato a deputado pela Bahia, filho de seu compadre, Coronel Ambrósio (Roberto Bomfim). A união seria vantajosa para ambas as famílias, pois permitiria aumentar o número de terras na região e somar forças, visando os interesses pessoais dos Coronéis.

A ideia era que o casamento acontecesse quando os dois estivessem mais velhos, para desespero de Pilar. Ciente da chegada de Tonico para o casamento e da ameaça de perder sua liberdade, ela revela à irmã seu plano de fugir em busca de seu maior sonho. Pilar quer chegar à Faculdade de Salvador para tentar convencer a banca de que é apta a cursar Medicina como outros homens da sua idade. Dolores fica desesperada com a ideia, mas promete segredo e apoia a decisão.

Para Gabriela Medvedovski, Pilar é uma mulher empoderada, à frente do seu tempo. “Fico pensando que se hoje em dia já é difícil a gente ser mulher dentro da nossa sociedade, imagina para a Pilar, no século XIX? A vejo como uma heroína. Ela tem uma personalidade corajosa e o fato de ter sido criada em um convento lhe deu acesso a livros que lhe abriram para outros horizontes. Em uma sociedade que te impõe limites, a Pilar vai atrás de outros, e isso é muito empoderador”, analisa a atriz.

Jorge / Samuel ( Michel Gomes ) – Foto: Globo/Paulo Belote

Jorge: fuga, sonho, paixão. E uma nova identidade

Quem também tem grandes sonhos em ‘Nos Tempos do Imperador’ é Jorge (Michel Gomes). Filho bastardo do Coronel Ambrósio (Roberto Bomfim) com uma escravizada, ele luta para se tornar livre, como a maioria dos negros que vive na mesma situação. Foi escravizado pelo próprio pai durante um tempo e vendido depois, o que provocou a separação de sua irmã.
Mas o desejo de reencontrar a jovem nunca ficou para trás, e ele decide procurar o pai para cobrar notícias dela. Recebe a informação de que ela foi vendida para um mercador no Rio de Janeiro. No entanto, durante a discussão com o Coronel, uma tragédia acontece, e ele é acusado de um crime que não cometeu.

Decidido a ir em busca da irmã na Corte e para salvar sua própria vida, foge com a roupa do corpo. No caminho, é atingido por tiros de jagunços que o perseguiam e nem imagina que atrás dele está o seu irmão Tonico (Alexandre Nero), filho legítimo de Ambrósio, que acaba de chegar à Bahia. Mas o destino está a favor dele. Ferido e muito fraco, recebe a ajuda de Pilar, que seguia a caminho de Salvador. Pilar aprendeu sobre primeiros socorros quando esteve no convento e consegue dar uma assistência determinante, que salva a vida de Jorge.

No encontro, surge um interesse imediato de um pelo outro. Mas é preciso seguir viagem. Pilar, apesar de resistir aos encantos do jovem, se preocupa com o estado de saúde dele. É neste momento de angústia que aparece a Condessa de Barral (Mariana Ximenes) na mesma estrada, a quem Pilar suplica ajuda ao rapaz.

Pilar ( Gabriela Medvedovski ), Eudoro ( Josá Dumont ) e Dolores ( Julia Freitas ) – Foto: Globo / Camilla Maia

A Condessa e Pilar se conhecem do Recôncavo Baiano, onde suas famílias possuem terras. Na base da confiança estabelecida entre as duas, Luísa prontamente atende ao pedido da jovem, levando Jorge para sua fazenda. Diante da realidade da escravidão e para a segurança de Jorge, ela precisa dar a ele uma nova identidade. Com isso, através de um documento entregue pela Condessa, ele passa a se chamar Samuel e se torna um homem livre.

Os valores do personagem são, para o ator Michel Gomes, marcantes e podem gerar muita identificação com o público. “Ele é um homem batalhador, trabalhador, alguém que está lutando pelo simples direito de igualdade e que acredita no amanhã, em um futuro melhor”, descreve Michel.

Nos Tempos do Imperador’, a próxima novela das seis, é criada e escrita por Alessandro Marson e Thereza Falcão, com Julio Fischer, Duba Elia, Wendell Bendelack e Lalo Homrich e tem direção artística de Vinícius Coimbra, direção geral de João Paulo Jabur e direção de Guto Arruda Botelho, Alexandre Macedo, Pablo Müller, Joana Antonaccio e Caio Campos. A direção de gênero é de José Luiz Villamarim e a novela estreia no dia 09 de agosto de 2021.

 


@portalmaribarcelos

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Portal Mari Barcelos
Estamos de Volta! Novelas, Programas, Séries, Conversas... e-mail: portalmaribarcelos@gmail . Confira e siga nosso Instagram @portalmaribarcelos !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *