Lança Filmes promove live no Instagram com Laerte e Manuela d’Ávila sobre “A Cidade dos Piratas”, premiado filme de Otto Guerra. O filme estará disponível nas plataformas de streaming.

Transmissão que acontece na próxima quinta-feira, dia 09, às 17h, debaterá o longa e o cenário político atual.

A Lança Filmes vai promover a primeira live falar de “A Cidade dos Piratas”, de Otto Guerra. Os temas abordados serão o filme e o cenário político atual. Estarão presentes a cartunista Laerte e a jornalista e política Manuela d’Ávila. A transmissão vai acontecer amanhã, dia 09 de abril, às 17h00, e será publicado no Instagram da Lança Filmes e de Manuela d’Ávila.

 “A Cidade dos Piratas” conquistou os prêmios de Menção Honrosa – 46º Festival de Cinema de Gramado – 2018; Melhor Roteiro e Melhor Direção – 25º Festival de Cinema de Vitória – 2018; Pirita – Cine Esquema Novo 2018; Melhor Filme – MUMIA 2018; Melhor filme juri estudantil – Festival de Cine Latinoamericado de Grenoble; Melhor filme – Anima Latina, Buenos Aires; Melhor Longa-metragem – Cinanima – 2019; Melhor Longa-metragem de Animação – 41º Festival de Havana e Melhor Longa-metragem – ACCIRS – 2019. A animação participou dos festivais Mostra Internacional de Cinema de São Paulo – 2018; Festival ANIMAGE – Recife – 2018; 46º Festival de Cinema de Gramado – 2018; 25º Festival de Cinema de Vitória – 2018; Cine Esquema Novo 2018 – Porto Alegre; Mostra MUMIA – Belo Horizonte; Animamundi 2019; Festival de Cine Latinoamericado de Grenoble; Anima Latina, Buenos Aires; ANIMA – Festival Internacional de Animação de Córdoba, Argentina e do 43ª edição do CINANIMA – Festival Internacional de Cinema de Animação de Espinho.

 

A animação estreou nos cinemas dia 31 de outubro de 2019 e atualmente está disponível das plataformas on demand Net Now e Vivo Play!.

 

Redes Sociais:

Instagram da Lança Filmes: https://www.instagram.com/lancafilmes

Instagram da Manuela D’Ávila: https://www.instagram.com/manueladavila

Instagram da Laerte: https://www.instagram.com/coutinholaerte

 

Trailer:

 

 

SINOPSE:

Inspirado nos famosos quadrinhos da cartunista Laerte. A história mescla a jornada de transição da artista e do diretor, que encara a morte após ser diagnosticado com câncer. Cria-se, então, um abismo caótico entre ficção e realidade na animação mais louca de todos os tempos.

 

ELENCO:

Laerte

Otto Guerra

Matheus Nachtergaele

Marco Ricca

Marcos Contreras

Luis Felipe Ramos

 

FICHA TÉCNICA:

Direção: Otto Guerra

Codireção: Marco Arruda

Roteiro: Rodrigo John, Laerte Coutinho, Thomas Créus e Otto Guerra

Produção Executiva: Marta Machado e Elisa Rocha

Empresa Produtora: Otto Desenhos Animados

Direção de Animação: José Maia, Josemi Bezerra

Direção de Fotografia: Marco Arruda

Direção de Arte: Pilar Prado e Laerte Coutinho

Desenho de Som: Gogó Conteúdo Sonoro

Edição de Som: Matheus Walter e Gogó Conteúdo Sonoro

Mixagem: Gogó Conteúdo Sonoro

Trilha Sonora: Matheus Walter, Tiago Abrahão

Trilha Musical: Matheus Walter

Montagem: Marco Arruda

Duração: 80min

Gênero: animação adulta

Distribuição: Lança Filmes

Classificação indicativa: 16 anos

 

SOBRE O DIRETOR:
Otto Guerra é um dos pioneiros da animação autoral no Brasil, onde criou a quadragenária Otto Desenhos, que se tornou uma das produtoras de animação mais importantes do país. É o único diretor com quatro obras na lista dos 100 filmes mais importantes da animação brasileira definida pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (ABRACCINE) no livro “100 anos do cinema de animação no Brasil”. Entre suas obras, sempre na contramão dos clássicos, estão os longas “Rocky e Hudson: Os Caubóis Gays” (1994), selecionado para o Festival de Havana e Hiroshima; “Wood e Stock: Sexo, Orégano e Rocky’n’roll” (2006), melhor longa no Festival Animacor na Espanha e “Até que a Sbórnia nos Separe” (2014), selecionado para os festivais de Annecy e Ottawa. Entre seus 13 curtas estão “Treiler” (1986), melhor curta do Festival de Havana e selecionado em Annecy, “O Reino Azul” (1989), vencedor no Festival de Havana e selecionado em Annecy e Ottawa e “Novela” (1992) vencedor em Havana.

Filmografia (título – formato e ano):

Longa-metragem:
ROCKY E HUDSON: OS CAUBÓIS GAYS – 1994
35mm | 63min | Diretor
WOOD & STOCK: SEXO, ORÉGANO E ROCK’N’ROLL – 2006 35mm | 85min | Diretor
ATÉ QUE A SBÓRNIA NOS SEPARE- 2014
HD | 85 min | Codiretor
A CIDADE DOS PIRATAS
HD | 89 min | Diretor

 

Curta-metragem:
O NATAL DO BURRINHO – 1984
35mm | 5 min | Diretor
AS COBRAS – 1985
35mm | 6 min | Diretor
TREILER – A ÚLTIMA TENTATIVA – 1986 35mm | 5 min | Diretor
O REINO AZUL – 1989
35mm | 14 min | Diretor
NOVELA – 1992
35mm | 8 min | Diretor

O ARRAIAL – 1997
35mm | 14 min | Diretor CAVALEIRO JORGE – 2000 35mm | 14 min | Diretor NAVE MÃE – 2004
35mm | 2min | Diretor

A PEQUENA VENDEDORA DE FÓSFOROS – 2013 HD | 13min | Produtor
CASTILLO Y EL ARMADO – 2014
HD | 13 min | Produtor

RESSUREIÇÃO (em produção) HD | 4 min | Diretor

Série de TV:
BOA NOITE MARTHA
HD | 22 episódios de 10 min | Produtor
ROCKY E HUDSON: OS CAUBÓIS GAYS (lançamento 2019) HD | 13 episódios de 7 min | Codiretor

SOBRE A PRODUTORA – OTTO DESENHOS ANIMADOS:
O patamar que a animação brasileira atingiu no cenário mundial nos últimos anos mistura-se com a trajetória dos 40 anos da Otto Desenhos Animados. O último longa-metragem, “Até que a Sbórnia nos Separe”, é resultado de uma notável evolução na produção de conteúdos e também na técnica da animação. Para chegar a esse nível, foram produzidos mais de 500 comerciais, 4 longas e cerca de 13 curtas.
Além de “Rocky e Hudson: Os Caubóis Gays”, “Wood e Stock: Sexo, Orégano e Rock’n’roll”, “Até que a Sbórnia nos Separe” e mais tantos curtas, no currículo da produtora também está o curta-metragem “Castillo y el Armado” (2014), vencedor de mais de 50 prêmios, dentre eles o de melhor curta no FICG30 Guadalajara e Festival de Havana e selecionado para mais de 200 festivais, dentre eles o Festival de Veneza.

SOBRE A DISTRIBUIDORA – LANÇA FILMES:

A Lança é uma empresa distribuidora de conteúdo audiovisual. Trabalha em parceria com produtoras e exibidores. Entre os filmes lançados pela distribuidora desta-se: Entre-Laços (2018), Até que a Sbórnia nos Separe (2014), Epidemia de Cores (2016) e Sobre Viagens e Amores (2017).

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Luan Ribeiro
Sou natural de Mata de São João, Bahia, mas atualmente moro na cidade do São Paulo. Sou formado em Engenharia, mas sempre tive uma verdadeira fixação pelo universo cinematográfico e sou o admin do @CinemaeCompanhia no Instagram. Assistir um filme é minha válvula de escape para mergulhar e me aventurar em mundos totalmente novos e me desligar dos problemas do dia-a-dia. Aproximadamente de duas a três vezes confiro as estreias da semana nas telonas, digamos que eu seja quase um “rato de cinema”. rs Será um enorme prazer compartilhar aqui minhas opiniões sobre os filmes e suas principais curiosidades. E uma ótima oportunidade para poder aprender e "trocar figurinhas" com todos vocês! Espero que se divirtam muito e curtam minhas dicas. Que a FORÇA esteja com vocês!!! Forte abraço! Luan Ribeiro. Instagram.com/CinemaeCompanhia e-mail: luancribeiro@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *