ELA: Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho 1a Região fará live cultural sobre o filme

Rodrigo de Souza Tavares, Ana Lucia Gosling e Raquel Rodrigues Braga estarão debatendo o filme

Nesta sexta-feira (21), a live cultural da AMATRA1 (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho – 1a Região) vai abordar o filme “Ela”, obra de ficção científica e romance escrita e dirigida por Spike Jonze. Os participantes serão o professor Rodrigo de Souza Tavares, da UFRRJ, e a diretora de Secretaria da 2ª Vara do Trabalho de São João de Meriti, Ana Lucia Cozzolino Gosling. A juíza do Trabalho aposentada Raquel Rodrigues Braga fará a mediação do evento. A transmissão será a partir das 17h, pelo canal da AMATRA1 no YouTube e pelo Facebook.

Na história, o recém-divorciado Theodore, vivido por Joaquin Phoenix, vive uma história de amor diferente ao se apaixonar por Samantha, o sistema operacional de seu computador.

“Somos criadores e criaturas tecnológicas. Criamos artefatos que transformam nossa própria existência. A partir do filme, vamos conversar sobre dados, privacidade, relacionamentos e a própria condição humana frente às inovações da inteligência artificial”, afirmou Tavares.

Para Ana Cozzolino, a obra vencedora do Oscar 2014 na categoria “Melhor Roteiro Original” provoca reflexões sobre temas contemporâneos. “Nos faz pensar o espaço da individualidade, do amor, do trabalho, da solidão e, principalmente, das relações humanas num mundo cada vez mais tecnológico (não necessariamente no futuro mas já, agora). Por isso, o debate me parece tão interessante. É importante pensar para onde caminhamos e do que estamos abrindo mão ou não pelo caminho.”

O filme também indica o agora como futuro, sendo “complexo, polêmico, debochado, angustiante e muitos outros adjetivos, mas delicado é o melhor deles”, destacou Raquel Braga.

“O fetiche tecnológico é tratado com muita delicadeza, naturalizado pela permissão dada aos contratos de adesão para vasculharem nossos dados privativos e extraírem mercadorias. O sistema operacional, um programa de computador, é a mulher amada do protagonista. E é verossímil pela performance magistral de Joaquin Phoenix”, disse.

Raquel afirmou caberem na produção múltiplas faces das capturas tecnológicas. “Foi longe demais a naturalização do inaceitável? Amor, conexão, invasão de privacidade e corpos a serem substituídos. A tecnologia abala ou facilita a socialização? O amor é racional, romântico, ou insanidade? Há desejo sem corpo? O que é um relacionamento de verdade? Consciência ou simulacro? Homem e/ou máquina? Direito do Trabalho? Guerra Híbrida? O resgate do que queremos e o muito do que perdemos como sociedade para o século XXI pede freio para  o futuro”, completou Raquel.

Veja o trailer:

 

 

 

 

 

Fonte: AMATRA1 – Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho 1a Região.

SERVIÇO

Live sobre o filme “Ela”
Data: sexta-feira (21)
Horário: 17h
Local: canal da AMATRA1 no YouTube e no Facebook

 

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

CINEMA & COMPANHIA
Críticas, Séries, notícias, Mundo Geek! Siga o @cinemaecompanhia no Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *