Restaurant, Traiteur , Brasserie… Você sabe a diferença?

Salve salve amantes da boa Gastronomia, aqui na França comida é coisa séria, e alem de falar sobre comida vamos falar sobre os locais que vendem comida.

Aqui os locais são bem definidos, você não vai em ao “Tabac” comer “Steak Tartare” e não vai ao “Restaurant” comer “Croque Monsieur” (existem exceções).

Vamos falar dos principais: Restaurant, Traiteur , Brasserie, Buffet, Café e Tabac.

Traiteur

Aqui a palavra chave é: variedade. É um comércio que em geral vende comidas bem variadas, já prontas e em exposição, um Buffet em que você é servido . Você escolhe, paga e come (nessa ordem).

A maioria dos “Traiteur” na França são de propriedades de imigrantes orientais.

Pratos: Nouilles (macarrão tipo “yakisoba’), Crevette au souce agri (Camarão Agridoce), Porc ananás (Carne de porco com abacaxi)…
Média de preço: Geralmente cada tipo de comida tem um preço por peso, em media 1,50 € /100gr.
É possível se alimentar bem por 8,00€.

 

Buffet “à volanté”


No Brasil chamamos de “self service sem balança”, você paga um valor fixo e come “à volonté”, ou seja, “à vontade”.
O foco é comer muito, tipo Gourmand, com as mais variadas cozinhas: Chinesa, Creola, Japonesa, Árabe…

Pratos: comida mais simples de acordo com a origem.
Media de preço: 12,50€ por pessoa, sem bebida

 

Bistrô

Tem origem da palavra Russa “býstro” e quer dizer: Depressa. Segundo relatos, os Russos ficavam incomodados com a demora das refeições e pediam “rapidez”, os restaurantes que tinham as refeiçoes mais “rápidas” recebiam o “titulo” de Bistrô.
Geralmente tem cardápio rápido, enxuto e horários mais flexíveis, são pequenos e aconchegantes.
Pratos: Croque Monsieur, Croque Madame, Steak Aché, Quiche Loraine…
Media de preço: refeição sem bebida por 12€.

 

Brasserie

São os restaurantes que trabalham, em geral, focados no “Plat du Jour” (Prato do dia), mesmo tendo atendimento a La carte. Costumam funcionar no almoço (das 12h as 14:30h) e janta (19h as 21:00).
Cada dia tem um prato diferente, e funcionam com horário certo, a maioria dos comércios de “Restauração” (comercio de comidas), você não é atendido se chega antes ou após o horário do almoço/janta, mesmo que tenham pessoas no local.
Pratos: Coq au vin, Morue au four, Cuissine de Dinde…
Media de preço: Prato do Dia + Sobremesa 12,00€.

 

Tabac

São locais em que o foco principal é a venda de cigarros (tabaco) e bar. Alguns funcionam servindo refeição, apenas esses locais tem autorização para vender cigarro.
Pratos: Faux Filet, Poulet au four, Cuissine de Dinde,
Media de preço: Prato do Dia + Sobremesa 12,00€.

 

Café

É um local mais informal e descontraído onde as pessoas costumam se encontrar rápido. Geralmente trabalham como Bar, Tabac ou Bistrô.

 

Restaurant

Esse estabelecimento é o “Francês” legitimo, inclusive na própria concepção da palavra. Pontual e regrado, geralmente tem horário exato de funcionamento, e não ouse ir fora do horário do pré estabelecido.
Costuma servir pratos mais elaborados e requintados.
A origem da palavra restaurante vem do termo: restaurar, eram estabelecimentos que vendiam caldos para restaurar as forças.
Com a Revolução Francesa, muitos cozinheiros que trabalhavam para a aristocracia ficaram sem emprego e acabaram montando seu local de caldos, locais para restaurar… Como se tratavam de cozinheiros com mais refinamento os locais começaram a ter maior sofisticação e variedade de pratos.
Pratos: Steak Tartare, Confit de Canard, Escargot…
Media de preço: Prato do Dia 22,00€.

Por hoje é só…

 


Esta com fome de aprendizado?

Vem comigo que no caminho te explico!

Mande suas dúvidas, criticas ou sugestões para nosso e-mail!

outlook-logo

Siga nas redes sociais e escute nossa playlist

o-INSTAGRAM-LOGO-570facebook-icon-preview-1-400x40013fa1fab9b8540878a822441f39fb0d9

Até o próximo artigo!

Rodrigo Dias

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Rodrigo Dias, cozinheiro por formação, culinarista por paixão e gastrônomo por dedicação. Com diversas especializações, na America do Sul e Europa, adepto de uma culinária em que o sabor esteja acima do glamour. “Cozinhar é o ato de alimentar o corpo e a alma”. Blog: https://blogsantaceia.wordpress.com/ Email: rdgourmet@outlook.com Instagram: https://www.instagram.com/rodrigodias001/ Facebook: https://www.facebook.com/RodrigoDias001/ Nossa Playlist para cozinhar com musica: https://open.spotify.com/user/rdseg/playlist/10ZGHXkKFygYWDVo2qMjLk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.