Bar do Zeca Pagodinho: Monica Nogueira, de voz suave e marcante, ex-grupo Kaoma promete grandes surpresas

Bar do Zeca Pagodinho abre as portas para a cantora e dançarina Monica Nogueira. No dia 09 de agosto , sexta-feira, a ex-integrante do grupo Kaoma, acompanhada da banda do músico, instrumentista e arranjador musical Paulão 7 Cordas, promete não deixar ninguém parado com grandes sucessos da lambada e clássicos da música brasileira. Jorge Ben, Tom Jobim e Edith Piaf fazem parte do repertório variado.

Abrilhantando o evento, dois casais da Cia. de Dança Carlinhos de Jesus participam do show e fazem um passeio pela lambada, samba de gafieira e chorinho.

O espaço de mais de mil m² conta com dois palcos, um na varanda e outro na parte interna do local, para receber shows de música popular brasileira. A gastronomia abraça clássicos dos botequins e é de responsabilidade de Toninho Laffargue, chef do premiado Bar do Momo. O menu inclui petiscos como bolinho de arroz, empadas de rabada e camarão, coxinhas de galinha e caranguejo, caldinhos de mocotó e de feijão.

Serviço:
Bar do Zeca Pagodinho – Vogue Square
Avenida das Américas, 8585 / SS101 – Barra da Tijuca/RJ
Horário: 20h
Couvert Artístico: R$ 25,00 / dia
Informações: (021) 3030-9097

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

maribarcelos
Eu me chamo Mariane Barcelos, tenho 26 anos, sou designer e estudante de Audiovisual, construindo uma carreira na área. Já viajei para quase todos os cantos do mundo, inclusive já fui para fora do planeta, já dei um pulo em Marte, conheci uns anéis de Saturno e me aventurei em galáxias muito distantes, me transformei em bruxa, loba e vampira, também já fui super heroína e vilã. Não pensem que sou louca, sou apenas uma cinéfila que enxerga nos filmes uma maneira de se desconectar da realidade, ou quem sabe me conectar, com a minha realidade. Quando eu vejo um filme é para me conectar com aquele mundo, se não estou no clima, digo "nossa que dor de cabeça" e fica para um outro momento. Cinema é para ser sentido, para se apaixonar e se iludir. Encantar. Espero poder compartilhar com vocês, toda essa emoção que eu sinto ao assistir um filme e conseguir fazer com que vocês também embarquem nessa viagem sem destino. Agora através do ArteCult, também faça cobertura de eventos, como o Festival do Rio, RioMarket, Pré-Estreias e afins. Assim como nos filmes, espero poder trazer grandes novidades e coberturas completas em todas as mídias sociais, para que vocês, leitores, possam se sentir sempre imersos ao nosso universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *