MAÍRA – CAMINHOS ANCESTRAIS: Espetáculo teatral faz curta temporada no Teatro Glaucio Gill

Maíra, Caminhos Ancestrais – Foto: Higor Nery.

PASSADO E PRESENTE SE UNEM NA BUSCA POR HERANÇA INDÍGENA

A Cia Teatro Baixo e o Grupo Artesão Teatro, expoentes companhias teatrais da Baixada Fluminense, apresentam o monólogo MAÍRA – CAMINHOS ANCESTRAIS, que cumprirá curta temporada no Teatro Glaucio Gill, de 26 a 29 de agosto, às 19h. Os ingressos custarão R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia entrada). A montagem foi contemplada pelo Prêmio FUNARJ de Montagem Teatral – 2020 e conta com o apoio institucional do Governo do Estado do Rio de Janeiro, da FUNARJ e da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa.

O espetáculo adulto MAÍRA – CAMINHOS ANCESTRAIS surge do encontro da atriz Jessica Meireles com o primeiro romance de Darcy Ribeiro, um dos mais importantes intelectuais do Brasil, lembrado por defender as causas indígenas e a educação pública de qualidade. Na história, a indígena, ao pressentir sua morte, relembra sua trajetória a partir da chegada dos portugueses em terras brasileiras. Na peça, a atriz e dramaturga Jéssica Meireles, a partir de seu encontro com o texto, faz um paralelo entre a aldeia ficcional e seus próprios desejos de se aproximar de suas ancestrais indígenas através de memórias e questionamentos sobre sua condição de não pertencimento a um grupo étnico racial.

“Esse espetáculo é também uma tentativa minha de reconstruir e me conectar com um dos meus caminhos ancestrais, guiada pelas palavras sopradas ao vento por minha bisavó e minha tataravó, mulheres indígenas, apagadas da memória-herança familiar. Elas também estarão presentes na peça”, conta Jéssica.

Maíra, Caminhos Ancestrais – Foto: Higor Nery.

MAÍRA – CAMINHOS ANCESTRAIS é resultado do encontro de dois grupos iguaçuanos, Artesão Teatro e Teatro Baixo, que têm em comum a pesquisa, o treinamento e a formação do Ator. É o segundo monólogo com temática ancestral da Cia Teatro Baixo, grupo teatral que completa 7 anos de existência em 2021 e que vem se destacando em sua região ao tratar de assuntos que envolvem povos excluídos, perseguidos e marginalizados socialmente no Brasil. Já o Grupo Artesão Teatro atua há 6 anos na Baixada Fluminense com pesquisas teórica e prática sobre o Teatro Psicofísico, influenciado por grandes mestres da arte como Constantin Stanislavski e Jerzy Grotowski.

As apresentações do espetáculo seguirão o Protocolo de Segurança Sanitária da FUNARJ, sendo respeitados os percentuais de público permitido, a obrigatoriedade do uso de máscara e a distribuição de álcool em gel.

SERVIÇO

MAÍRA – CAMINHOS ANCESTRAIS

  • Local: Teatro Glaucio Gill – Praça Cardeal Arcoverde, s/n – Copacabana, Rio de Janeiro
  • Curta temporada: de 26 a 29 de agosto
  • Horário: 19h
  • Ingressos: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia entrada)
  • Classificação indicativa: 16 anos

FICHA TÉCNICA

  • Dramaturgia e Atuação: Jéssica Meireles
  • Direção Artística: Luana Moreira e Jonyjarp Pontes
  • Direção Musical: Dai Ramos
  • Direção de Movimento: Madson Vilela
  • Assessoria / Pesquisa: Tatiana Henrique
  • Cenógrafo: Anderson Dias
  • Figurinos/Adereços: Jéssica Meireles
  • Iluminação: Rodrigo Villas Boas
  • Técnico de luz: Antônio Carlos Rocha
  • Direção de Produção: Leandro Fazolla
  • Assistente de Produção: Madson Vilela
  • Realização: Artesão Teatro e Teatro Baixo
  • Assessoria de Imprensa: Alessandra Costa

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação ArteCult.com
Redação do Portal ArteCult.com.   Expediente: de Seg a Sex - Horário Comercial.   E-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com.   Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *