Segundo episódio da nova temporada traz as histórias de Gloria Pires, Manoel Soares e Julio Andrade

Nesta quarta-feira (13), vai ao ar o segundo episódio da nova temporada do ‘Que História É Essa, Porchat?’ na TV Globo, após o ‘BBB 22’. Conduzidos por Fábio Porchat, Gloria Pires, Manoel Soares e Julio Andrade contam situações inesquecíveis e inusitadas pelas quais passaram.

Gloria Pires, Manoel Soares e Julio Andrade contam suas histórias – Foto: Ju Coutinho

Gloria Pires relembrou histórias em que impediu assaltos dentro e fora do Brasil. A primeira foi em Belo Horizonte, nos anos 80. A atriz correu atrás de assaltantes que arrancaram o colar de uma moça que estava ao seu lado em uma lanchonete. “Não sei o que me deu, larguei bolsa, tudo meu na lanchonete, e saí correndo atrás do grupo. Eram uns cinco, persegui os rapazes, os maiores correram, e cerquei o pequeno que estava com o colar. Ele ia para um lado do carro estacionado, eu ia para o outro, quase agarrei ele, mas estava sem camisa, escorregou, e aí deixou cair o colar no chão. Eu peguei e levei toda trêmula para a moça. Ninguém entendeu nada”, revelou no programa, aos risos.

Manoel Soares relembra como uma obsessão em se tornar vendedor de pão de queijo foi responsável pela grande transição em sua carreira na TV. “Eu trabalhava na RBS, emissora afiliada da TV Globo em Porto Alegre, e certo dia tive uma iluminação: “vou vender pão de queijo nas paradas de ônibus! Vou ser o imperador do pão de queijo desse país!”, e decidi pedir demissão”, contou. Mas antes de colocar o plano em prática, ele fez uma entrada ao vivo no ‘Encontro com Fátima Bernardes’, durante uma festa local, e impressionou a apresentadora, que quis conhecê-lo pessoalmente. A visita resultou em um contrato para trabalhar no Rio de Janeiro. “Sou muito grato à sensibilidade e ao carinho da Fátima, ela viu em mim algo que eu não estava vendo”, concluiu.

Gloria Pires, Manoel Soares e Julio Andrade contam suas histórias – Foto: Ju Coutinho

Julio Andrade narra uma viagem ao México para o casamento de um tio, que envolveu muita bebedeira e transformou o ator em cantor por uma noite. “Bebi demais da conta nesse dia. Aconteceu o casamento. E depois saiu todo mundo para uma festa, era um ginásio que tinha umas duas mil pessoas. Eu completamente embriagado fui diretamente ao palco e quando subi gritava : ‘Eu sou brasileiro!” E aí comecei um ‘pot-pourri’ de músicas brasileiras, de É o Tchan até Xuxa. Foi a primeira experiência como artista popular que eu tive na vida, quando saí do palco todo mundo queria me dar abraço, pedir autógrafo”, detalhou, levando convidados e plateia às gargalhadas.

Nos próximos programas, nomes como Débora Bloch, Nathalia Dill, Felipe Massa e Augusto Madeira também levarão ao palco histórias que nunca foram conhecidas pelo público.

‘Que História É Essa, Porchat?’ vai ao ar na TV Globo nas noites de quarta-feira, logo após o ‘BBB 22’. A quarta temporada do programa tem redação final de Paula Miller e Fabio Porchat, e direção de Gigi Soares.

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Jornalista por paixão. Música, Novelas, Cinema e Entrevistas. Designer de Moda que não liga para tendência. Apaixonada por música e cinema. Colunista, critica de cinema e da vida dos outros também. Tudo em dobro por favor, inclusive café, pizza e cerveja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *