NOMADLAND: Uma grande história que encanta e nos faz refletir

 

NOMADLAND é uma das grandes apostas para o Oscar 2021. Não é por menos, a produção vem arrebatando muitos prêmios em festivais de cinema mundo a fora por apresentar uma história reflexiva, com atuações grandiosas, uma fotografia de encher os olhos e acima de tudo: originalidade. A diretora Chloé Zhao é primorosa em todos os detalhes, que obra linda! Confira nossa crítica, sem spoiler, a seguir.

Baseado na obra Nomadland: Surviving America in the Twenty-First Century (Jessica Bruder) e dirigido pela Chloé Zhao, o filme aborda um colapso econômico de uma cidade na zona rural de Nevada, nos Estados Unidos, somos apresentados a protagonista Fern interpretada magistralmente pela atriz Frances McDormand. “Fern” é uma mulher de 60 anos, repleta de energia e força para viver que transforma a sua van em seu lar, parte em busca de oportunidades colocando o pé na estrada. Somos assim então apresentados à forma de vida dos chamados “novos nômades”, cultura que já existia nos Estados Unidos , mas que teve um forte crescimento diante dos acontecimentos daquela época. Uma trajetória repleta de nuances, boas e ricas histórias e personagens inesquecíveis.

Frances McDormand em NOMADLAND. Foto:  Searchlight Pictures. © 2020

Nomandland pode ser entendido como um mergulho profundo na trajetória de alguém comum, com muita vontade de viver e que busca sua auto aceitação e seu lugar no mundo. O filme transita por diversos ambientes, com paisagens lindas e planos sequências inspiradores. Mas o que realmente cativa e provoca um quentinho no coração daqueles que se propõe a se conectar àquela história são os seus ricos personagens e suas interações com a vida de Fern (Frances McDormand).

Não é à toa que o filme vem chamando atenção por onde passa, principalmente nos Festivais de Cinema, porque o longa se traduz a uma carta à liberdade e à paixão dos seus criadores para com a Sétima Arte.

Reprodução: Searchlight Pictures // Diretora Chloé Zhao // NOMANDLAND

Muitos são os seus acertos. A escolha da proposta para o roteiro adaptado é certeira e tem como responsável a própria Chloé Zhao, uma gigante que possui uma sensibilidade sem tamanho. O roteiro casa perfeitamente com sua ótima mão na direção, pois ela sabe muito bem os artifícios para nos conectar à trama e propõe, de uma maneira simples e objetiva, uma mensagem central para tudo que aquilo pretende atingir.  A vontade que nos dá, vendo o trabalho da Chloé Zhao, é saber o que o futuro nos espera, pois ela está também responsável pela direção de um grande blockbuster da Marvel: “Os Eternos”. Com certeza, ficaremos surpresos com o que ela tem a nos propor e expandir ainda mais o MCU.

O time que acompanha Chloé só faz agregar ainda mais a sua obra, quanto à fotografia e trilha sonora, que possuem como responsáveis os Joshua James Richards e Ludovico Einaudi, nota-se que desempenham um trabalho magnifico aqui, não é à toa também que receberam indicações nas categorias de Edição e Fotografia no Oscar 2021. Será que veremos ambos premiados? Aguardaremos ansiosos.

Reprodução: Searchlight Pictures // Ator Bob Wells // NOMANDLAND

No quesito atuação, os personagens coadjuvantes conseguem entregar uma performance tão orgânica, que o público acredita que são mesmo reais e não fictícios e em alguns momentos temos a impressão de estarmos presenciando um documentário.

A grande estrela do filme, Frances McDormand,  interpreta Fern com uma sutileza e força sem igual, nos apegamos tanto à sua história, que torcemos e vibramos por ela em muitos momentos, sua história de vida irá tocar muitos telespectadores. Essa atriz merece, com a mais absoluta certeza, seu segundo Oscar, pois sua entrega nesse projeto é digna de aplausos. Vale com toda certeza mencionar também a atuação de Bob Wells, que intepreta “Bob” e nos entrega um diálogo repleto de emoção em um dos atos do filme.

Nomandland é busca,  autodescoberta e aceitação. Uma frase que poderia traduzir a idéia do que o filme se propõe a dizer  seria “que o mundo inteiro é tipo a minha casa”. Aqui afirmo que o longa é dos meus favoritos ao Oscar de Melhor diretora, Melhor Filme e Melhor Atriz. Vale muito à pena você presenciar essa grande e sensível experiência. Nomandland é encantador!

NOTA – 10

ASSISTA O TRAILER:

 

Reprodução: Searchlight Pictures // NOMANDLAND


ArteCult – Cinema & Companhia

Siga nosso canal e nossos parceiros no Instagram para  ficar sempre ligado nas nossas críticas, últimas novidades sobre Cinema e Séries, participar de sorteios de convites e produtos, saber nossas promoções e muito mais!

@artecult , @cinemaecompanhia , @cabinesete ,
@cinestimado , @cineelaw@hospicionerdoficialp

#VamosParaOCinemaJuntos

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Luan Ribeiro
Sou natural de Mata de São João, Bahia, mas atualmente moro na cidade do São Paulo. Sou formado em Engenharia, mas sempre tive uma verdadeira fixação pelo universo cinematográfico e sou o admin do @CinemaeCompanhia no Instagram. Assistir um filme é minha válvula de escape para mergulhar e me aventurar em mundos totalmente novos e me desligar dos problemas do dia-a-dia. Aproximadamente de duas a três vezes confiro as estreias da semana nas telonas, digamos que eu seja quase um “rato de cinema”. rs Será um enorme prazer compartilhar aqui minhas opiniões sobre os filmes e suas principais curiosidades. E uma ótima oportunidade para poder aprender e "trocar figurinhas" com todos vocês! Espero que se divirtam muito e curtam minhas dicas. Que a FORÇA esteja com vocês!!! Forte abraço! Luan Ribeiro. Instagram.com/CinemaeCompanhia e-mail: luancribeiro@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *