Escola de Música do Parque Ibirapuera abre processo seletivo para primeiro semestre de 2023 (até 10 de janeiro)

Escola de Música do Parque Ibirapuera. Foto: Carolina Daffara / Folhapress

São 30 vagas disponíveis, nos períodos da manhã ou da tarde, para alunos iniciantes, com idades entre 10 e 12 anos

 

Para quem conhece uma criança ou adolescente com sonho de aprender sobre musicalização, linguagem e estrutura musical, a boa notícia é que a Escola de Música do Parque Ibirapuera, administrada pela Urbia, acaba de abrir processo seletivo para cursos de música em nível iniciante. Ao todo são 30 vagas disponíveis (15 para o turno da manhã e 15 para o turno da tarde) para crianças e adolescentes, com idades entre 10 e 12 anos, que estejam regularmente matriculados em uma unidade de ensino.

As inscrições acontecem até 10 de janeiro de 2023.

Para participar do programa, os interessados devem preencher o formulário on-line e não precisam possuir conhecimento musical prévio. Após o cadastro, os candidatos que cumprirem os critérios de idade e matrícula escolar serão convocados para uma entrevista/avaliação presencial e passarão por testes de coordenação motora, percepção rítmica, melódica e harmônica.

Os alunos aprovados na etapa de testes deverão comparecer à Escola de Música, entre 1° e 4 de fevereiro, portando os seguintes documentos: comprovante de matrícula escolar; carteira de vacinação com esquema vacinal completo para Covid-19; comprovante de endereço; documentos pessoais (nome completo, data de nascimento e número do RG ou certidão de nascimento) e identidade do responsável.

Vale ressaltar que estudantes convocados que não comparecerem com os documentos não poderão efetivar a matrícula. Além disso, alunos de escolas públicas estarão isentos do pagamento da matrícula e a mensalidade é 100% gratuita durante todo o curso.

O curso básico de formação em Música tem duração de três anos e é distribuído em seis semestres. A Escola de Música do Parque Ibirapuera funciona às segundas, terças, quartas e quintas-feiras em dois horários: manhã, das 8h às 12h, e tarde, das 14h às 18h. Já aos sábados, as atividades ocorrem das 8h às 13h.

Dúvidas ou mais informações: escolademusica@urbiaparques.com.br.

Por dentro da Escola de Música do Parque Ibirapuera

Fundado em 2005, o centro de formação musical é sediado no subsolo do Auditório Ibirapuera, obra arquitetônica de Oscar Niemeyer, projetado nos anos 50 e construído no início dos anos 2000. Atualmente, o programa conta com 94 estudantes matriculados na escola e 36 alunos e ex-alunos que compõem a Orquestra Furiosa, comandada por Proveta, um dos maiores nomes da música brasileira.

As aulas de instrumentos musicais previstas para este semestre para os estudantes que já participam do programa são: contrabaixo (acústico e elétrico), violão, canto, saxofone, fagote, flauta, oboé, clarinete, bateria, percussão popular, percussão erudita, canto, trombone, trompa, tuba, eufônio, trompete, acordeon. Em atendimento à uma demanda dos alunos, em breve, a Urbia abrirá vagas para guitarra elétrica, cavaquinho e bandolin.

Sobre a Urbia

Criada em 2019, a Urbia Gestão de Parques Urbanos nasce para valorizar, cuidar e preservar o patrimônio histórico e ambiental, enquanto oferece lazer qualificado, entretenimento e cultura a todos os usuários. A dedicação da empresa se concentra em criar, a cada dia, um mundo melhor com mais diversidade, inclusão e cidadania. Ao todo, são quatro concessões especializadas na gestão de parques públicos da capital paulista e da região sul do país. A primeira é a Urbia Gestão de Parques de São Paulo é uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) criada para cuidar da gestão dos seis parques paulistanos (Ibirapuera, Tenente Brigadeiro Faria Lima, Jacintho Alberto, Jardim Felicidade, Eucaliptos e Lajeado), apoiada no desenvolvimento sustentável, com o objetivo de conectar pessoas por meio do lazer, entretenimento e cultura, e proporcionar momentos de imersão e harmonia com a natureza. Além destes, a Urbia também é responsável pela gestão dos Parques Horto Florestal e da Cantareira, ambos localizados na Zona Norte de São Paulo/SP; áreas de visitação dos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral (Cânions), situados em Cambará do Sul/RS; e recentemente foi vencedora da licitação de concessão das áreas de visitação do Parque Nacional do Iguaçu, em Foz do Iguaçu/PR, onde a assunção do espaço deverá acontecer em breve.

Para mais informações, acesse:

 

Fonte: Assessoria de Imprensa Urbia Parques

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação do Portal ArteCult.com.   Expediente: de Seg a Sex - Horário Comercial.   E-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com.   Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *