Escola Maria Olenewa: Comemoração dos 94 anos da Escola terá live sobre a importância de Consuelo Rios

 

A Escola Estadual de Dança Maria Olenewa (EEDMO), que fica dentro do Theatro Municipal do Rio de Janeiro está em festa! Afinal, em abril, ela comemora 94 anos de vida prestando serviços à arte brasileira. O resultado não poderia ser melhor. Milhares de bailarinos que tiveram sua formação na EEDMO brilham pelo país e mundo afora.  Nomes como Márcia Haydée, Roberta Marques, Bethania Gomes Nascimento, Letícia Stock, Isabel Seabra se formaram na Maria Olenewa e viraram ícones internacionais.

No Brasil, a Escola também é um celeiro de talentos. Muitos deles se tornaram os primeiros bailarinos do Municipal como Cícero Gomes, Aurea Hammerli, Nora Esteves, Claudia Mota e Márcia Jaqueline. Aliás, o Corpo de Baile do Theatro é formado por 80% de bailarinos da Escola de Dança Clássica mais antiga do país que, ao longo destes anos, vem realizando o sonho de muitos jovens e continua dando oportunidades a todos que querem seguir a carreira profissional. Atualmente, 280 alunos estudam na Maria Olenewa.  O Diretor da EEDMO e Regente Interino do Corpo de Baile do TMRJ, Hélio Bejani destaca a importância da Escola:

“A EEDMO se destaca pela excelência na formação técnica do profissional de dança, sempre se mantendo firme no propósito de se utilizar do ballet como ferramenta para educar e formar grandes cidadãos. É um celeiro de talentos capacitados para trabalhar tanto nacional quanto internacionalmente.”

 

Confira algumas imagens dos alunos e alunas 

 

A Campanha #AulaEmCasa 

A partir de segunda-feira, 12 de abril, o Theatro inicia uma programação especial, enaltecendo a importância da EEDMO. A Campanha #AulaEmCasa, com o patrocínio Ouro Vale e Petrobras vai abordar os 94 anos da Escola. Na próxima semana, o tema será “Consuelo Rios: uma professora para além de sua época”.

Como mediador, o professor e pesquisador da EEDMO, Paulo Melgaço, que vai receber Beth Oliosi – Curadora da EEDMO, Karina Dias – Solista do Ballet do TMRJ e Professora da EEDMO e Teresa Augusta – Professora e ensaiadora do Ballet do TMRJ:

Sobre Consuelo Rios

Consuelo Rios. Foto: Reprodução Internet

Consuelo Rios se tornou uma das principais professoras de ballet do País, mas antes disso, fez parte de sua trajetória um acontecimento que poderia fazer qualquer um desistir de traçar um caminho na dança. Consuelo já tinha formação em educação física antes de se tornar professora de ballet e foi lançada como bailarina no Ballet da Juventude, nossa primeira companhia de ballet privada, em que Tatiana Leskova foi uma das professoras. Mais tarde, em 1945, Consuelo foi tentar concorrer às vagas do Corpo de Baile do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, mas não foi sequer aceita para fazer a prova, apesar da sua excelente técnica clássica, pelo simples fato de ser negra. Falaram para ela que as vagas já tinham acabado, quando na verdade, depois dela outras bailarinas tentaram a mesma prova e passaram.

Consuelo, então, não entrou no corpo de baile do Municipal, mas decidiu estudar MUITO para se tornar uma boa professora. Mais do que isso: se tornou uma das principais e melhores professoras de ballet que o nosso País já teve e por suas mãos passaram gerações de primeiras bailarinas e de bailarinas do Municipal e do exterior.

Fonte: site Tutu da Ju

 

Sobre Maria Olenewa

Maria Olenewa – Foto Acervo EEDMO.

Estudou na academia Nelidowa em Moscou e estreou na Ópera de Zemin. Antes da Revolução Bolchevista foi para Paris, onde participou da temporada de óperas e bailados do Theatre des Champs Elysées e depois ingressou na Cia de Anna Pavlova onde se tornou primeira bailarina.Contratada por Leonide Massine, excursionou por diversos países da América do Sul, tendo se apresentado no Brasil em 1921. Sua atuação como Salomé, na “Dança dos sete véus” (1923), ficou famosa em Buenos Aires. Foi nesta cidade que Olenewa iniciou sua carreira como professora, atuando como diretora da Escola de Dança do Teatro Colón no período de 1922 a 1924.No Brasil, estabeleceu-se em 1927, fundando a primeira escola profissionalizante de ballet: A Escola de Danças Clássicas do Theatro Municipal do Rio de Janeiro (atual EEDMO) que foi oficializada em 1931. Assim, uma geração pioneira de bailarinos foi formada, tornando possível a criação do Corpo de Baile do Theatro Municipal, em 1936. Maria Olenewa deixou o Rio de Janeiro em 1943 para assumir o cargo de diretora da Escola Municipal de Bailados em São Paulo. Em 1947, abriu sua própria escola: “Curso de Danças Clássicas Maria Olenewa” que deu origem ao “São Paulo Ballet”. Maria Olenewa dedicou 38 anos de carreira desenvolvendo atividades pedagógicas no Brasil. Remontou grandes obras do repertório clássico internacional e coreografou outras tantas baseada em obras de compositores nacionais. Com isso, recebeu diversos prêmios e homenagens. Por ocasião das comemorações do cinquentenário do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Olenewa criou especialmente para o Corpo de Baile o ballet “Evocação de Duas épocas” em que fez um contraponto entre o ontem e o hoje.Em São Paulo, Olenewa permaneceu à frente do Curso de Bailados Maria Olenewa até sua morte em 1965. No Rio de Janeiro, a Escola de Danças Clássicas do Theatro Municipal recebeu seu nome em 1982, tornando-se: Escola Estadual de Dança Maria Olenewa. Sua biografia integra a série memória do Theatro Municipal – lançada em 2001 – Maria Olenewa: a sacerdotisa do ritmo, de Adriana Pavlova.

Em abril, haverá lives sobre a Escola nas redes oficiais do Theatro e, no dia do aniversário da EEDMO (27), com realização e pesquisa de Paulo Melgaço e Miguel Alves, será lançado o e-book “Professores que Construíram Nossa História: Escola Estadual de Dança Maria Olenewa 94 anos” que vai abordar a trajetória dessa Instituição de Ensino tão amada por inúmeras gerações.

“Com o presente e-book, acredito que reforçamos a importância e o legado da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa para o Estado do Rio e para todo o país, reconhecendo e exaltando o esforço e competência de todos que passaram pela EDDMO em mais de nove décadas de história.” – conclui Clara Paulino, Presidente da Fundação Teatro Municipal.

 

SERVIÇO

Escola Estadual de Dança Maria Olenewa – 94 anos (abril)

Campanha #AulaEmCasa apresenta  EEDMO 94 anos em “Consuelo Rios: uma professora para além de sua época”

  • Data: 12 de abril – segunda-feira
  • Horário: 14h
  • Acompanhe as Plataformas virtuais oficiais:
  • Instagram: @theatromunicipalrj
  • Facebook:@theatro.municipal.3
  • Youtube: Theatro Municipal do Rio de Janeiro
  • Classificação: Livre
  • Lei de Incentivo à Cultura
  • Apoio: Rádio SulAmérica Paradiso 95,7 FM, Rádio Roquete – Pinto 94.1 FM,  Rádio MEC 99.3 FM, Livraria da Travessa e  Ingresso Rápido.
  • Patrocínio Ouro @valenobrasil e @petrobras

 

 

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Redação ArteCult.com
Redação do Portal ArteCult.com.   Expediente: de Seg a Sex - Horário Comercial.   E-mail para Divulgação Artística: divulgacao@artecult.com.   Fundador e Editor Geral: Raphael Gomide.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *