DUETOS: Peça do premiado dramaturgo britânico Peter Quilter e que já foi encenada em mais de 20 países e traduzida para 10 idiomas, recebe agora sua primeira montagem no Brasil, com direção de Ernesto Piccolo e os atores Patricya Travassos e Marcelo Faria

DUETOS, a comédia de Peter Quilter, direção de Ernesto Piccolo, com Patricya Travassos e Marcelo Faria, estreia 05 de agosto no Teatro das Artes RJ

A peça retrata de forma cômica os encontros e desencontros da vida amorosa contemporânea através de quatro histórias de uma mulher e um homem – não necessariamente casais – às voltas com seus próprios desejos e traumas em busca do amor, e enfrentando a solidão.

O texto de Quilter examina o mundo caótico do amor e dos relacionamentos modernos, onde a grama do vizinho é sempre mais verde que a nossa. “Duetos” é apresentado e patrocinado pela Brasilcap, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, com produção geral e realização da Inova Brand. A temporada carioca é de 05 de agosto a 02 de outubro, sextas e sábados às 21h e domingo às 20h, no Teatro das Artes, Shopping da Gávea (serviço completo ao final do release).

 

E atenção: SORTEIO RELÂMPAGO. VAMOS SORTEAR AMANHÃ (12) DOIS PARES DE CONVITES PARA ESSE FIM DE SEMANA !

Para concorrer , siga as seguintes regras:
1) seguir as páginas @artecult, @showtimepost e @duetosacomedia no Instagram;
2) marcar nos comentários do post oficial do Instagram (em @artecult) mais três amigos, comentando “eu quero ver DUETOS e vocês?”
3) Aguardar o resultado do sorteio que acontecerá na tarde dessa sexta-feira e será publicado em nossos stories. Vamos sortear dois pares de convites, um para sábado (13/8 às 21h) e outro para domingo (14/8 às 20h)!

 

A atriz, autora e apresentadora Patricya Travassos dispensa apresentações: mais de 40 anos de carreira, 35 novelas, 10 filmes, 9 peças de teatro, 3 livros publicados, mais de 30 músicas compostas.

Marcelo Faria também é conhecido pelos seus mais de 30 anos de carreira, 35 novelas, 5 filmes e 10 peças de teatro, entre elas “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, que ficou 5 anos em cartaz, e “Razões para Ser Bonita”, ao lado de Ingrid Guimarães, durante 3 anos.

DUETOS, do premiado dramaturgo britânico Peter Quilter, já foi encenada em mais de 20 países e traduzida para 10 idiomas, e recebe agora sua primeira montagem no Brasil.

“A peça, na sua essência, fala de solidão mesmo, e de uma forma muito divertida. Das relações mais diversas que o ser humano experimenta para tornar a solidão menos dolorosa. São os encontros às escuras; a secretária e o patrão que têm uma relação de amor em que só não casam, não transam; o casal que vai separar, vai experimentar a solidão, mas não consegue; e por fim a noiva que está casando pela 3ª vez, e dá tudo errado. É uma lente de aumento, uma sátira dessas situações”, conta Ernesto Piccolo, diretor também de sucessos como “Divã”, “Doidas e Santas”, “A História de Nós Dois”.

 

AS QUATRO HISTÓRIAS

ENCONTRO ÀS CEGAS: Jonathan e Wanda marcam um encontro através de um aplicativo de relacionamento. Ambos se esmeram para agradar mas, claro, nada sai como o esperado. Eles esperam desta vez acertar.

QUASE CASADOS: Jane prepara uma festa de aniversário para seu chefe, Ary. Ele não se interessa por mulheres, mas ela não vê isso como empecilho para um possível casamento. A esperança é a última que morre.

DIVÓRCIO AMIGÁVEL: Shirley e Beto decidiram passar férias na Espanha para finalizar seu divórcio. Enquanto se afogam nos drinques, vão entendendo que estão longe de ser o ex-casal bem resolvido que pensavam.

MAIS UMA VEZ NOIVA: Angela está se casando pela terceira vez, para desgosto de seu irmão Tobias. Pouco antes da cerimônia, uma sucessão de incidentes a leva a crer em mau presságio. Confusa, não sabe mais se quer casar.

 

Patricya Travassos e Marcelo Farias. Foto: Divulgação.

“Eu amo comédia. Adoro assistir e adoro fazer comédia. E ter quatro histórias na mão é muito divertido. Quatro personagens, quatro pensamentos, quatro carências, quatro caracterizações. Está sendo muito rico pra mim. Estamos chegando a lugares muito divertidos e ao mesmo tempo muito profundos – apesar de engraçados, os personagens falam de emoções muito humanas. Está sendo um presente nesse momento difícil, saindo da pandemia. Precisamos rir, mais do que nunca. Precisamos ir ao teatro. A nossa classe foi muito prejudicada nesses últimos anos, então eu espero que seja um sucesso.”, afirma Patricya Travassos.

“Este projeto por si só já é um desafio para qualquer ator. Interpretar num mesmo espetáculo quatro personagens já é estimulante, mas não para por aí. São quatro histórias distintas com um mesmo enredo – encontros e desencontros, solidão e a busca pelo amor e por um/a companheiro/a ideal. Nos diverte tanto que com certeza divertirá quem estiver na plateia. Eu sempre adorei desafios, e o palco me desafia sempre. Quatro personagens. Quatro trocas de roupa em cena, camarim aberto, e uma companheira que é uma mestra da comédia.”, completa Marcelo Faria.

 

A MONTAGEM

Em cada lateral do palco há um pequeno camarim onde atriz e ator farão as trocas de roupa para cada cena às vistas do público. De acordo com a luz, estes camarins estarão ora visíveis, ora invisíveis. Os demais elementos não são fixos, e serão mudados a cada cena. O cenário é de J.C. Serroni, o figurino de Claudio Tovar, a iluminação de Aurelio de Simoni e a trilha sonora de Rodrigo Penna.

 

PETER QUILTER – Autor

Peter Quilter, nascido em Colchester, Inglaterra é dramaturgo do West End londrino e da Broadway. Suas peças foram traduzidas para 30 idiomas e apresentadas em mais de 40 países. Atualmente, Quilter tem mais de 14 produções ativas acontecendo pelo mundo, totalizando mais de 30 espetáculos realizados.

Uma das produções de grande destaque é o espetáculo “End of the Rainbow” que foi adaptada para o filme vencedor do Oscar “Judy” (2019), estrelado por Renée Zellweger. Ele também é autor da comédia “Glorious!”, de West End e Broadway, adaptada para o filme “Florence Foster Jenkins” (2016), dirigido por Stephen Frears e estrelado por Meryl Streep.

 

ERNESTO PICCOLO – Diretor

Ernesto Piccolo é ator e diretor. Entre seus recentes trabalhos como diretor de teatro estão “D.P.A. – Detetives do Prédio Azul, A Peça”; “Divã”; “Doidas e Santas”; “A História de Nós Dois”; “Simples Assim”, de Martha Medeiros”; “O Ovo de Novo – Galinha Pintadinha”; “Andança – Beth Carvalho, o Musical”.

Desde 2010 dirige o festival de diversidade cultural Tangolomango, que reúne grupos
culturais populares, tradicionais e contemporâneos, de várias partes do Brasil e da América Latina.

 

PATRICYA TRAVASSOS – Atriz

Mais de 40 anos de carreira, 35 novelas e seriados, 10 filmes, 9 peças de teatro, 3 livros publicados, mais de 30 músicas compostas.

Começou na década de 1970, no grupo de teatro Asdrúbal Trouxe o Trombone, ao lado de Regina Casé, Luís Fernando Guimarães, Perfeito Fortuna e Evandro Mesquita, criando e atuando nas peças “Trate-me Leão” e “Aquela Coisa Toda”. Na década de 1980, compôs canções e dirigiu os espetáculos da banda Blitz e de outros cantores. Atuou nas peças “A Partilha”, de Miguel Falabella; “Capital Estrangeiro”, de Silvio de Abreu; “5 x Comédia”, “Monstra” e “Aérea”, entre outros.

Na TV Globo, criou e escreveu “Armação Ilimitada”, foi roteirista de “TV Pirata”, “Delegacia de Mulheres” e “Vida ao Vivo Show”, entre outros, e atuou em inúmeras novelas da casa. No Multishow, participou das séries “Lili, a Ex”, “A Secretária do Presidente”, “Treme Treme”, “A Vila” e atualmente está no ar em o “Dono Do Lar”. Entre 1997 e 2013 apresentou o programa “Alternativa Saúde”, no GNT, e foi cronista da revista Marie Claire.

No cinema, participou de roteiros dos filmes de Tizuka Yamasaki, Lui Farias e Guilherme de Almeida Prado. Atuou nos filmes “Minha Mãe É Uma Peça” 1, 2 e 3, com Paulo Gustavo.

 

MARCELO FARIA – ator

Mais de 30 anos de carreira, 35 novelas e seriados, 5 filmes, 10 peças de teatro, vencedor de 2 prêmios como “Melhor Ator”.

Estreou na TV ao lado de seu pai, Reginaldo Faria, na minissérie “A Máfia no Brasil”. Em 1989 atuou na novela “Top Model”, de Walther Negrão e Antônio Calmon, e não parou mais de fazer novelas, sempre na TV Globo.

Viajou por todo o Brasil com a peça “Dona Flor e Seus Dois Maridos”. No teatro, também fez sucesso com “Razões para Ser Bonita”, de Neil Labute e direção de João Fonseca, ao lado de Ingrid Guimarães, Gustavo Machado e Aline Fanju.

 

Sobre a Brasilcap

Desde o início de suas atividades, em 1995, a Brasilcap, empresa de capitalização da BB Seguros, já distribuiu mais de R$ 2,4 bilhões em prêmios, que abrangem aproximadamente 682 mil títulos contemplados. Atualmente, a Companhia conta com mais de 3 milhões de clientes e um portfólio diferenciado de soluções de capitalização, como estímulo à disciplina financeira com chances de premiação, incremento de negócios para empresas por meio dos títulos de incentivo, garantia ágil e segura para o aluguel de imóveis e operações de crédito, contribuição à filantropia, entre outros atributos.

 

Sobre a Inova Brand

É uma produtora de marketing, entretenimento e cultura que atua no mercado publicitário, teatral e eventos desde 2009. Dessa forma, gera reconhecimento e alta repercussão nacional das produções musicais e teatrais, produtos e serviços de grandes empresas. Com mais de 12 anos de atividade na economia criativa do país, foi responsável pela comunicação e marketing em mais de 70 produções teatrais, além da produção atual de “Duetos”, com patrocínio da Brasilcap, empresa de capitalização da BB Seguros, a produtora também realizou recentemente no Theatro Municial do Rio de Janeiro o espetáculo de dança contemporânea “Entre Horizontes Móveis”, “Cartografia de Passagem” e o infantil “Os Contadores de Mil Histórias”, além de outros diversos projetos culturais. Em 2023 estreia “Era Uma Vez… A Turma do Faz de Conta, O Musical” baseado no enredo da Rosa Magalhães. A empresa, seus sócios e colaboradores, além da comunicação publicitária, sempre prezaram em construir e sustentar uma visão positiva, com qualidade e de destaque para com os patrocinadores e incentivadores dos seus projetos.

 

FICHA TÉCNICA

Texto: Peter Quilter
Direção: Ernesto Piccolo

Elenco: Patricya Travassos e Marcelo Faria

Cenário: J.C. Serroni
Figurino: Claudio Tovar
Iluminação: Aurelio de Simoni
Preparadora Corporal: Dani Visco
Trilha Sonora: Rodrigo Penna
Visagismo: Rafael Senna

Registro Fotográfico: André Wanderley
Assessoria de Imprensa: JSPontes Comunicação – João Pontes e Stella Stephany

Diretor de Produção: Claudio Tizo
Produtora Administrativa: Filomena Mancuzo

Produção Geral e Administração:
Sérgio Lopes – INOVA BRAND

Produção Geral e Marketing:
Mauricio Tavares – INOVA BRAND

Realização: INOVA BRAND
Secretaria Especial da Cultura
Ministério do Turismo

 

SERVIÇO

DUETOS

  • ONDE: Teatro das Artes RJ – Shopping da Gávea. R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea / RJ Tel: (21) 2540-6004
  • HORÁRIOS: sextas e sábados às 21h, domingo às 20h
  • INGRESSOS: R$100 E R$50 (meia); ingresso popular (10% capacidade) R$50 e R$25 (meia)
  • VENDAS: bilheteria e www.duetosacomedia.com.br
  • DURAÇÃO: 90 min
  • CLASSIFICAÇÃO: livre
  • TEMPORADA: até 02 de outubro

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

ATUANDO: Para quem gosta de atuar, interpretar e para todos os apaixonados por grandes espetáculos! Siga nosso Facebook! (@portalatuando)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *