DOUTOR ESTRANHO NO MULTIVERSO DA LOUCURA: A Marvel explora probabilidades em multiversos, feitiços e até terror em mais uma grandiosa obra

A Marvel e a Disney, invariavelmente, entregam-nos experiências interessantes e, quase sempre, inesquecíveis. Não podia ser diferente em “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura“, o mais novo lançamento do MCU (Universo Marvel Cinematográfico).

Cena de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”. Foto: Walt Disney © Marvel

O filme, que estreia em todos os cinemas nessa quinta-feira (5), dá sequência à trama apresentada em “Homem-Aranha Sem Volta para Casa”, quando Dr. Estranho, ao tentar ajudar Peter Parker, provoca, com seu feitiço, uma ruptura perigosa entre os universos, trazendo vilões de outras dimensões.

Bem, vamos lá: procurando não dar nenhum spoiler para nossos seguidores, precisamos avisar que o filme faz referências a muitos (eu disse MUITOS, rs) outros filmes e séries (principalmente as que foram exibidas no ano passado no Disney Plus, como ‘Wandavion” e “What if…?”) do MCU. Logo, quanto mais obras da Marvel você tiver assistido, sua experiência ficará mais completa. E as surpresas são sensacionais! O filme é repleto de fan services.

É preciso dizer: prepare-se para as surpresas do mesmo nível de “Homem-Aranha Sem Volta para Casa”…

Cena de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”. Foto: Walt Disney © Marvel

Mas as surpresas não ficam apenas nas referências aos quadrinhos e MCU; também envolvem filmes clássicos de terror. Os cinéfilos de carteirinha vão, com certeza, reconhecê-los. Há, até, uma homenagem bem legal a um desses clássicos dos anos 80, acreditem.

Os efeitos estão ótimos, mas peguei apenas um probleminha numa cena (um mal acabamento, talvez causado pela corrida do cronograma), quase imperceptível. Acho que houve, também, um pequenino problema de maquiagem numa deteminada cena no final… Mas, tirando esses pequenos deslizes, podemos afirmar que a Marvel entrega mais uma obra grandiosa que vai agradar – e muito – a maioria de seus fãs.

Cena de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”. Foto: Walt Disney © Marvel

Elizabeth Olsen como Feiticeira Escarlate tem uma de suas melhores atuações no MCU (compatível com toda a dramaticidade e complexidade necessárias) e os dois Benedicts “Mestres Supremos” (Cumberbath e Wong) apresentam muito carisma e química entre si na tela. A jovem canadense Xochitl Gomez-Deines aproveitou muito bem a chance e entrega uma ótima performance ao viver a personagem chave “America Chavez”. Provavelmente, aparecerá nos futuros filmes, até mesmo porque o seu “poder” tem tudo a ver com a trama básica que a Marvel está trilhando nos últimos filmes.

Cena de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”. Foto: Walt Disney © Marvel

Confira o trailer :

Então é isso. Basicamente, NÃO PERCA “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” (rs). Ele reserva ótimos momentos, surpresas e até suas cenas pós-créditos (são 3, ao todo) nos deixam bem ansiosos pelo que virá pela frente.

NOTA 8,0

RAPHAEL GOMIDE

OBS: Atenção! Durante esta cabine de imprensa foi exibido também – e pela primeira vez no Brasil – o trailer em 3D de “AVATAR 2“. Maravilhoso, meus amigos e minhas amigas! Cameron sempre se supera. Pelo trailer, os cenários estão lindos e os efeitos muito bem produzidos. Chegando, com certeza, mais um recordista de bilheteria!


ArteCult – Cinema & Companhia

Siga nosso canal e nossos parceiros no Instagram para  ficar sempre ligado nas nossas críticas, últimas novidades sobre Cinema e Séries, participar de sorteios de convites e produtos, saber nossas promoções e muito mais!

@artecult , @cinemaecompanhia , @cabinesete ,
@cinestimado,  @cineelaw e @marimastrange

#VamosParaOCinemaJuntos

 

Faça abaixo um comentário sobre este artigo. PARTICIPE!

Comentários (utilize sua conta no Facebook):

Powered by Facebook Comments

Author

Críticas, Séries, notícias, Mundo Geek! Siga o @cinemaecompanhia no Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *